Marcos de Paula/AE
Marcos de Paula/AE

Muricy Ramalho critica Fluminense e vê empate justo na estreia

Equipe carioca ficou no 2 a 2 com Argentinos Juniors e vai precisar recuperar pontos perdidos

AE, Agência Estado

10 de fevereiro de 2011 | 10h52

RIO - O empate por 2 a 2 com o Argentinos Juniors, na noite da última quarta-feira, no Engenhão, no Rio, foi visto pelo técnico Muricy Ramalho como um resultado justo para o Fluminense na estreia da Copa Libertadores da América. Para ele, faltou mais velocidade ao jogo da equipe, que somou apenas um ponto em seu primeiro jogo em casa no torneio continental.

"O primeiro tempo nosso foi muito lento. Foi o ritmo com o qual estávamos jogando no Campeonato Carioca, e com esse ritmo hoje (quarta-feira) não dava para jogar. Tinha que ser um pouco mais acelerado, pois senão não surpreende ninguém, porque time argentino marca bem", afirmou o treinador, que em seguida admitiu que a evolução do time na etapa final foi insuficiente para a conquista de uma vitória.

"No segundo tempo aceleramos um pouco, mas mesmo assim não jogamos bem. Ganhamos um ponto, como aconteceu no jogo contra o Goiás (na reta final do último Campeonato Brasileiro, quando houve empate por 1 a 1, no Engenhão), e hoje (quarta) o time não merecia mais que um empate", disse Muricy durante entrevista coletiva.

Após o empate com o Argentinos Juniors, o Fluminense voltará a campo no próximo domingo, contra o Madureira, às 17 horas, em Volta Redonda, pela última rodada do Grupo B da Taça Guanabara. Já classificado para a semifinal, o time está na segunda posição da chave, um ponto atrás do líder Botafogo.

Veja também:

linkLeia como foi Fluminense 2 x 2 Argentinos Juniors

blog Antero Greco - Logo de cara, sinal amarelo para o Fluminense na Libertadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.