Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Muricy tem ‘chance zero’ de retorno ao São Paulo, diz conselheiro

Membro do Conselho de Administração diz que não há indícios de que o ex-técnico volte como coordenador de futebol

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

04 de setembro de 2017 | 07h00

Muricy Ramalho não será contratado como coordenador de futebol do São Paulo, de acordo com Júlio Casares, membro do Conselho de Administração do clube do Morumbi. Rumores sobre o possível retorno do ex-técnico ganharam força na semana passada, depois que a derrota para o Palmeiras fez um grupo de conselheiros intensificou a cobrança sobre a diretoria, colocando o nome de Muricy como solução para os problemas do time em campo.

“Todo são-paulino gostaria de ver o Muricy de volta ao clube em razão do que ele já fez, mas a chance de ele retornar por enquanto é zero”, afirma o conselheiro. "Ele tem contrato como comentarista no SporTV e vai cumprir este contrato. Além disso, a diretoria do São Paulo não fez nenhum convite oficial ao Muricy e essa decisão de contratá-lo cabe ao presidente Leco e ao diretor executivo de futebol, Vinicius Pinotti, pois o cargo de coordenador de futebol seria de suporte ao trabalho de Pinotti".

Para o conselheiro, a má fase no Campeonato Brasileiro, na vice-lanterna com 23 pontos, torna compreensível o pedido de criação do cargo de um coordenador de futebol para ajudar a comissão técnica de Dorival Junior a achar soluções para o time. “Quanto a situação é difícil, é compreensível que surjam ideias e que a gente se lembre de nomes importantes na história do clube como o de Muricy, mas não há nenhuma indicação de que isso vá acontecer”.

Quase 5 mil pessoas já assinaram uma petição online que pede a volta de Muricy. O abaixo-assinado, criado na última sexta pelo movimento ‘Resgate Tricolor’, formado por torcedores e conselheiros, será entregue a Leco e a Pinotti. "O São Paulo Futebol Clube necessita de uma liderança fora do campo, que faça o trabalho de coordenação do futebol profissional e o elo entre a comissão técnica, jogadores e diretoria", argumenta o grupo. "A sugestão deste abaixo assinado, pela história como jogador, técnico vitorioso e com a experiência de 2013, é a contratação de Muricy Ramalho para este cargo".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.