Muros do Palestra Itália são pichados após eliminação

Torcedores protestam e pedem a saída do técnico Vanderlei Luxemburgo e do vice-presidente Gilberto Cipullo

18 de junho de 2009 | 01h14

 
 J.F.Diório/AE

 

SÃO PAULO - Após a eliminação do Palmeiras para o Nacional (URU) na Copa Libertadores, os muros do Estádio Palestra Itália foram pichados. Os torcedores pediram a saída do técnico Vanderlei Luxemburgo e do vice-presidente Gilberto Cipullo.

 

Veja também:

linkPalmeiras trava no Nacional e está fora da Copa Libertadores

tabela Copa Libertadores - Classificação e Calendário 

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.