Adam Davy/AP
Adam Davy/AP

Museu do Futebol vai abrigar debate sobre homossexualidade no esporte

Evento marcado para a próxima terça-feira terá nomes como Juca Kfouri e Washington Olivetto

O Estado de S. Paulo

30 de outubro de 2013 | 14h42

SÃO PAULO - Nos últimos dias tornaram-se recorrentes as discussões sobre homossexualidade no esportes, sobretudo depois da criação da torcida organizada Gaivotas da Fiel e também do selinho dado pelo atacante Emerson Sheik, do Corinthians, em um amigo. Devido a esses fatores, o Museu da Diversidade Sexual vai promover o debate "Tabu – A Homossexualidade no Futebol". Será na próxima terça-feira. O evento, marcado para às 19h, no auditório do Museu do Futebol, no Pacaembu, em São Paulo, terá a participação de nomes como Juca Kfouri, Washington Olivetto, a ex-capitã da seleção brasileira Aline Pellegrino e o zagueiro Paulo André, do Corinthians.

Tema polêmico em praticamente todos os âmbitos da sociedade, a homossexualidade é pouco abordada em fóruns desse tipo e ainda sofre muitas retaliações no esporte em geral. Além de relacionar os dois assuntos, o intuito do debate, ministrado pelo jornalista Cesar Giobbi, é trazer reflexão sobre o prenconceito dentro e fora dos gramados. O evento, aberto ao público, terá entrada gratuita.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.