Gonçalo Junior/Estadão
Gonçalo Junior/Estadão

Música eletrônica e exposição da taça esquentam a Copa em Moscou

Evento aconteceu no Parque Gorky, cartão-postal da cidade

Gonçalo Junior, enviado especial / Moscou, O Estado de S.Paulo

08 Junho 2018 | 20h48

Um grande show na noite desta sexta-feira em Moscou marcou o início simbólico da Copa do Mundo. No último fim de semana antes do Mundial, que começa na quinta-feira, a apresentação da taça que será erguida pela seleção campeã e apresentações de música eletrônica no Parque Gorky, cartão-postal da cidade, trouxeram de uma vez o espírito do Mundial para os russos.

+ Copa do Mundo mais cara da história salva a Rússia da estagnação econômica

+ Em cidade que receberá seleção, sol encurta a madrugada e ajuda veranistas

Apesar do frio na casa de 8ºC às margens do Rio Moscou, jovens mostravam entusiasmo para saudar a Copa do Mundo, como pediam os DJs. A praça de eventos não chegou a ficar lotada. Muitos preferiram ocupar as ruas e alamedas de um dos locais mais bonitos da capital moscovita.

Ao longo do dia, os russos fizeram filas para fotografarem e serem fotografados ao lado do troféu da Copa do Mundo. As filas não chegaram a ser quilométricas, mas sim modestas. Nesta sexta-feira, a taça foi transferida para Estádio Luzhniki, também na capital russa, onde ficará até ser entregue ao vencedor da Copa do Mundo em 15 de julho.

A taça de 6,1 quilos de ouro maciço de 18 quilates é oferecida aos campeões mundiais desde a edição de 1974 da Copa do Mundo, vencida pela Alemanha Ocidental e erguida por Franz Beckenbauer naquela oportunidade.

 

Entre setembro de 2017 e este domingo, o giro da taça da Copa do Mundo passou por cerca de 50 países, tendo percorrido quase 150 mil quilômetros.

O primeiro jogo da Copa do Mundo será na quinta-feira, entre Rússia e Arábia Saudita, ao meio-dia (horário de Brasília) em Moscou. No dia seguinte, Egito e Uruguai se enfrentam.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.