Mutu é pego em exame antidoping pela terceira vez

O atacante romeno Adrian Mutu foi novamente flagrado no exame antidoping. O Comitê Olímpico Italiano (Coni) anunciou nesta sexta-feira que o jogador testou positivo para o uso de sibutramina, em partida da Copa da Itália, contra a Lazio, no dia 21 de janeiro. Na ocasião, o atacante marcou dois gols e deu uma assistência na vitória da Fiorentina por 3 a 2.

AE, Agencia Estado

29 de janeiro de 2010 | 14h39

Na quinta-feira, a entidade havia anunciado o uso da mesma substância por parte do jogador em confronto contra o Bari pelo Campeonato Italiano, no dia 10 de janeiro. Por isso, o jogador já estava suspenso preventivamente.

Esses não foram os únicos casos de doping de Mutu. Em 2004, quando ainda atuava pelo Chelsea, ele foi flagrado em um exame pelo uso de cocaína. Na ocasião, o atacante ficou sete meses afastado do futebol, além de ser demitido do clube inglês.

Com passagens pela seleção romena, Adrian Mutu vem sendo um dos principais destaques da Fiorentina desde 2006, quando chegou ao clube italiano. Agora, o atacante aguarda a decisão sobre sua pena.

Tudo o que sabemos sobre:
futeboldopingAdrian Mutu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.