Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

Na Argentina, Aguirre inicia novo mata-mata no São Paulo

Depois do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil, treinador inicia jogos eliminatório na Copa Sul-Americana

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

12 de abril de 2018 | 07h00

Desde que foi contratado para substituir Dorival Junior, Diego Aguirre só disputou jogos de mata-mata no São Paulo. O técnico dirigiu o time em cinco partidas, todas eliminatórias. Hoje, diante do Rosario Central, na Argentina, ele vai para a terceira competição diferente e o sexto jogo decisivo.

+ Manchester City vai oferecer R$ 100 milhões por Militão, diz jornal inglês

+ Tréllez busca afirmação no ataque do São Paulo

“Estou acostumado a treinar em mata-mata. No dia seguinte à minha chegada, eu já tinha um mata-mata. Talvez seja um pouco difícil, mas temos de enfrentar e estar preparados”, disse o treinador. 

A sequência inclui as quartas de final e as semifinais do Campeonato Paulista, além da quarta fase da Copa do Brasil. Aguirre só terá “sossego” na estreia no Brasileirão, segunda-feira, diante do Paraná. 

A estreia na Copa Sul-Americana faz o torcedor se lembrar da última conquista do clube. Foi em 2012, em um jogo que não terminou diante do Tigre. Alegando ameaça da PM com armas de fogo, os argentinos não voltaram para o segundo tempo e o São Paulo de Ceni, Jadson e Willian José foi campeão. 

Hoje, a esperança para o time sobreviver à pressão no estádio Gigante de Arroyito é o colombiano Tréllez, que participou de três dos últimos quatro gols do time. “Precisamos conquistar um título. Não podemos passar em branco”, disse. 

Aguirre deve escalar três zagueiros. Ele afirma que isso não é sinônimo de postura defensiva e que os alas vão atacar. “Tivemos mais tempo para trabalhar, mesmo sem experimentar algo novo nas partidas decisivas, mas encontramos um caminho”, disse Aguirre. 

FICHA TÉCNICA

Rosario x São Paulo

Rosario: Ledesma; Gómez, Tobio, Segura e Parot; Lovera, Gonzáles, Carrizo e Pissano; Zampedri e Ruben. 

Técnico: Leonardo Fernández

São Paulo: Sidão; Éder Militão, Rodrigo Caio e Arboleda; Régis, Jucilei, Liziero, Petros e Reinaldo; Nenê e Tréllez. 

Técnico: Diego Aguirre. 

Juiz: Victor Hugo Carrillo (Peru). 

Local: Estádio Gigante de Arroyito.

Horário: 21h30. Na TV: SporTV

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.