TV Inter/Reprodução
TV Inter/Reprodução

Na briga pelo título, Inter desafia desfalques em duelo contra o Bahia

Time do técnico Odair Hellmann defende série de quatro vitórias consecutivas

Estadão Conteúdo

22 Agosto 2018 | 06h24

Empolgado pela disputa do título do Campeonato Brasileiro e pela melhor campanha do clube em um primeiro turno na era dos pontos corridos, o Internacional vai encarar o Bahia, às 19h30 desta quarta-feira, na Fonte Nova, em Salvador. Pelo torneio, o time gaúcho defende série de quatro vitórias seguidas.

O último desses triunfos aconteceu no domingo, por 1 a 0, contra o Paraná. O gol da vitória saiu apenas aos 50 minutos do segundo tempo, em cobrança de falta de Camilo, que começou no banco e substituiu Jonatan Álvez durante a partida. O Inter chegou aos 38 pontos e liderou o torneio por algumas horas, mas foi ultrapassado quando o São Paulo disputou, e ganhou, a partida dele pela 19ª rodada.

Em 2009, o Inter, então comandado por Tite, fez 37 pontos ao fim do primeiro turno daquele Brasileirão, campanha que só foi superada agora. O clube gaúcho amargou o vice-campeonato do torneio há nove anos e viu aumentar o jejum, ainda em vigor, iniciado em 1979, sem um novo título da competição.

No confronto contra o Bahia, porém, a equipe gaúcha vai enfrentar desfalques. O lateral-direito Fabiano e os atacantes Nico López e Jonatan Álvez estão suspensos. Machucados, o centroavante Leandro Damião e o meia Andrés D'Alessandro estão fora do duelo.

Curado de lesão, Zeca retornou aos treinos nesta semana e foi relacionado para a partida - o lateral deve ocupar o setor direito da defesa do Inter. Victor Cuesta retorna de suspensão e voltará a ser titular na zaga, no lugar de Emerson Santos, enquanto Rossi e Lucca devem ocupar as vagas abertas no ataque. Em recuperação física, Paolo Guerrero e Wellington Silva ainda não estão disponíveis para o técnico Odair Hellmann.

FICHA TÉCNICA:

INTERNACIONAL - Marcelo Lomba; Zeca, Moledo, Cuesta e Iago; Dourado, Edenílson e Patrick; Lucca, Pottker e Rossi. Técnico: Odair Hellmann.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.