Na estreia de Marcelo Cabo, Figueirense perde do Paraná e amplia jejum na Série B

Equipe catarinense chega ao sexto jogo sem vitória com derrota por 1 a 0, fora de casa

Estadão Conteúdo

16 de junho de 2017 | 22h58

O Paraná voltou a respirar mais aliviado no Campeonato Brasileiro da Série B. Diante do Figueirense, do técnico estreante Marcelo Cabo, os comandados de Cristian de Souza venceram por 1 a 0, no estádio Durival de Britto, na capital paranaense, pela oitava rodada da competição. O confronto aconteceu sob frio na noite desta sexta-feira.

Com o resultado, o Paraná foi aos 12 pontos, mais próximo do G4 (zona de acesso à elite). Já o clube catarinense tem apenas oito pontos, na beira da zona de degola, e chegou a seis partidas sem vencer. São quatro derrotas e dois empates.

O Paraná começou melhor a partida, arriscando chutes de longe e apostando nas cobranças de falta e escanteio. Aos 15 minutos, depois de cruzamento de Renatinho, Eduardo Brock cabeceou para o meio da área e Gabriel Dias desviou. A bola tirou tinta da trave direita, mas o lance já estava parado com o impedimento do volante.

O Figueirense não demorou para responder. Iago teve liberdade para avançar e recebeu um bom passe de Jorge Henrique. O lateral chutou forte de fora da área e, para a sorte do goleiro Richard, a bola foi por cima da baliza.

A melhor oportunidade da primeira etapa, porém, aconteceu aos 37 minutos. Depois de cobrança de falta para a área do time catarinense, a bola sobrou para Felipe Alves, que chutou forte, mas Thiago Rodrigues fechou o ângulo e fez uma bela defesa.

O jogo ficou ainda melhor no segundo tempo com o Paraná fazendo um gol logo aos três minutos. Renatinho tocou em profundidade para Gabriel Dias e o volante caprichou no cruzamento. Ainda na primeira trave, Felipe Alves cabeceou com força e não deu chances de defesa ao goleiro adversário.

Atrás no placar, o Figueirense foi com tudo ao ataque e exigiu duas grandes intervenções consecutivas de Richard. Aos sete minutos, o goleiro defendeu um cabeceio de Naylhor após escanteio. Um minuto depois, Joãozinho soltou uma bomba e novamente o camisa 1 espalmou.

Richard precisou trabalhar de novo aos 20 minutos. Naylhor foi ao ataque e chutou bem forte de fora da área. A bola bateu no gramado e subiu, mas mesmo assim o goleiro conseguiu espalmar. No rebote, Henan tentou desequilibrado e jogou para fora. O Figueirense tentou pressionar, mas o Paraná mostrou solidez defensiva e garantiu o resultado positivo.

Toda a nona rodada da Série B será disputada na próxima terça-feira. O Paraná vai até Porto Alegre para enfrentar o Internacional, no Beira-Rio, às 21h30. Enquanto isso, o Figueirense volta a atuar diante de seu torcedor, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC), contra o Luverdense, às 20h30.

FICHA TÉCNICA

PARANÁ 1 X 0 FIGUEIRENSE

PARANÁ - Richard; Cristovam, Rayan, Eduardo Brock e Igor; Leandro Vilela, Gabriel Dias e Guilherme Biteco (Renatinho depois Luiz Otávio); Minho, Robson e Felipe Alves (Nathan). Técnico: Cristian de Souza.

FIGUEIRENSE - Thiago Rodrigues; Weldinho, Bruno Alves, Naylhor e Iago (Guilherme Lazaroni); Zé Antonio, Dudu Vieira e Jorge Henrique; Joãozinho (Índio), Luidy e Henan. Técnico: Marcelo Cabo.

GOL - Felipe Alves, aos três minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Luiz César de Oliveira Magalhães (CE).

CARTÕES AMARELOS - Gabriel Dias (Paraná); Jorge Henrique, Henan e Zé Antonio(Figueirense).

RENDA - R$ 66.120,00.

PÚBLICO - 3.519 pagantes (3.712 ao total).

LOCAL - Estádio Durival de Britto, em Curitiba (PR).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFigueirenseParaná

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.