Divulgação/Água Santa
Divulgação/Água Santa

Na estreia de Pintado, Água Santa empata com Ituano e soma seu primeiro ponto

Equipes continuam sem vencer no Campeonato Paulista após jogo em Diadema terminar com o placar de 1 a 1

Redação, Estadão Conteúdo

02 de fevereiro de 2020 | 14h14

Preocupados em fugir das últimas posições, Água Santa e Ituano empataram por 1 a 1, neste domingo, no estádio Distrital de Inamar, em Diadema, pela quarta rodada do Campeonato Paulista. Mas o resultado não foi bom para nenhum deles. O Água Santa somou seu primeiro ponto no Grupo A, porém, continua na lanterna. Enquanto isso, o Ituano aparece com dois pontos no Grupo C.

Este jogo marcou a estreia do técnico Pintado no time da casa no lugar de Fernando Marchiori. O Água Santa até foi aguerrido, mas não conseguiu tirar proveito do fator campo e continua sem vencer.

Precisando vencer, os times iniciaram o jogo com o mesmo esquema tático: 4-3-3. O Ituano mais na espera para usar a velocidade no ataque. Deu certo aos 17 minutos, quando Marcos Serrato desceu pelo lado esquerdo e cruzou em direção à grande área. Gabriel Taliari ajeitou no peito e desviou devagar para as redes na saída do goleiro Thomazella.

Mas os comandados de Pintado mantiveram o ritmo e a disposição, sendo premiados com um belo gol de empate aos 29 minutos. João Vitor encontrou Luan Dias na frente da área. Ele puxou a bola para o lado esquerdo para bater em curva no canto direito do goleiro Pegorari.

Em um chute parecido, dois minutos depois, quase que Luan Dias vira o placar. Mas, desta vez, Pegorari espalmou para escanteio. O Ituano voltou a ameaçar aos 37 minutos, em um chute cruzado de Gabriel Taliari e que passou perto da trave direita de Thomazella.

O Água Santa voltou determinado a atacar no segundo tempo, mas encontrou o Ituano bem postado na defesa à espera de acertar um contra-ataque. Logo aos três minutos, Minho chutou forte e Thomazella defendeu.

Pintado ainda tentou dar mais força ofensiva ao Água Santa usando suas três trocas. Colocou Uéderson, Pio e Dadá. Mas quem desperdiçou boa chance foi Yago, para o Ituano, que chutou fora depois do passe de Marcos Serrato.

Os últimos minutos foram disputados debaixo de chuva, com jogadores cansados e um ritmo bem mais lento. Cada time ainda teve uma chance de vencer. Aos 45 minutos, Marcos Serrato invadiu a área pelo lado esquerdo e bateu cruzado, com a bola passando perto da trave esquerda do Água Santa. O time da casa respondeu no minuto seguinte, quando Uérderson recebeu de costas na área e girou rápido. A bola saiu do lado direito da trave de Pegorari, frustrando a esperança da torcida de Diadema em festejar a primeira vitória do seu time.

Pela quinta rodada, o Água Santa vai atuar de novo em casa, desta vez diante da Ferroviária, sábado, às 15 horas. O Ituano vai jogar fora de novo, domingo às 19 horas contra o Novorizontino, fora de casa.

FICHA TÉCNICA

ÁGUA SANTA 1 X 1 ITUANO

ÁGUA SANTA - Thomazella; Jonathan, Andrés Robles, Wallison Maia e Abner Felipe; Velicka, João Vitor e Luciano Dias; Felipe Azevedo (Pio), Tiago Marques (Dadá) e Marquinho (Uérderson). Técnico: Pintado.

ITUANO - Pegorari; Jonas, Suéliton, Ricardo Silva e Léo Rigo; Paulinho Dias, Corrêa (Fellipe Soutto) e Marcos Serrato; Gabriel Taliari, Keké (Luiz Paulo) e Minho (Yago). Técnico: Vinícius Bergantin.

GOLS - Gabriel Taliari, aos 17, e Luan Dias aos 29 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Raphael Claus.

RENDA - R$ 91.010,00.

PÚBLICO - 5.879 pagantes.

LOCAL - Estádio Distrital de Inamar, em Diadema.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.