Na estreia de Ricardinho, Tupi empata e continua na zona de degola da Série B

Equipe de Minas Gerais fica no 1 a 1 com o Brasil de Pelotas (RS), em casa

Estadão Conteúdo

24 de setembro de 2016 | 20h46

A estreia do técnico Ricardinho não foi suficiente para encerrar o jejum de vitórias do Tupi na Série B do Campeonato Brasileiro. Após sair na frente, o time mineiro cedeu o empate para o Brasil, de Pelotas (RS), por 1 a 1, neste sábado, no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG). O duelo foi válido pela 27.ª rodada.

Esta foi a quinta partida seguida que o Tupi fica sem vencer, sendo o quarto empate. A má fase deixou o clube na zona de rebaixamento, com 26 pontos na 18.ª posição. Os gaúchos saíram do G4 e aparecem em quinto lugar com 41 pontos, um a menos que Avaí e Londrina, terceiro e quarto colocados, respectivamente. Para piorar, chegam ao quarto jogo sem vitórias, com dois empates e duas derrotas.

O jogo esteve longe de empolgar. Mesmo sem conseguir se impor no primeiro tempo, o Tupi abriu o placar aos 36 minutos. O lateral-esquerdo Luiz Paulo avançou pela esquerda, cortou para dentro e bateu de direita. A bola entrou no ângulo, sem chances de defesa para o goleiro Eduardo Martini.

No segundo tempo, os mineiros começaram a cadenciar o jogo muito cedo e acabaram castigados aos 31 minutos. Após cobrança de falta, o atacante Felipe Garcia cabeceou, o goleiro Rafael Santos defendeu e a bola pegou no travessão. Na sobra, o próprio Felipe Garcia só completou para as redes.

Pela 28.ª rodada, na próxima sexta-feira, às 20h30, o Tupi volta a campo para enfrentar o Luverdense, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT). Já o Brasil-RS recebe o Ceará, nesta terça-feira, às 21 horas, no estádio Bento Freitas, em Pelotas.

FICHA TÉCNICA

TUPI 1 x 1 BRASIL-RS

TUPI - Rafael Santos; Henrique (Douglas), Gabriel Santos, Thiago Sales e Luiz Paulo; Renan, Jonathan, Marcos Serrato e Octávio (Yago); Giancarlo e Hiroshi (Recife). Técnico: Ricardinho.

BRASIL-RS - Eduardo Martini; Weldinho, Leandro Camilo, Cirilo e Marlon (Eduardo Brock); Nem, Washington, Elias (Jonatas Belusso) e Marcos Paraná; Ramon e Felipe Garcia. Técnico: Rogério Zimmermann.

GOLS - Luiz Paulo, aos 37 minutos do primeiro tempo; Felipe Garcia, aos 31 minutos do segundo tempo.

CARTÃO AMARELO - Leandro Camilo (Brasil).

ÁRBITRO - Wagner do Nascimento Magalhães (RJ).

RENDA - R$ 10.620,00.

PÚBLICO - 551 pagantes (856 no total).

LOCAL - Estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.