Na lanterna, Espanyol demite técnico após derrota

O argentino Mauricio Pochettino se tornou, nesta segunda-feira, o primeiro técnico a ser demitido durante este Campeonato Espanhol da temporada 2012/2013. O comandante estava dirigindo o Espanyol, de Barcelona, que amarga a lanterna da competição, com apenas nove pontos em 13 partidas disputadas.

AE, Agência Estado

26 de novembro de 2012 | 16h09

Ex-jogador do clube catalão entre 1994 e 2000 e entre 2004 e 2006, Pochettino tinha contrato com a equipe até 30 de junho de 2014, mas acabou não resistindo no cargo após a derrota por 2 a 0 para o Getafe, sofrida em casa, no último domingo.

Pochettino estava no comando do Espanyol desde 19 de janeiro de 2009 e assumiu a equipe após a demissão de José Manuel Esnal. Agora, ainda sem um substituto definido para o treinador argentino, a equipe voltará a campo nesta quarta-feira, quando jogará novamente em casa, desta vez contra o Sevilla, pela Copa do Rei.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato EspanholEspanyol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.