José Patrício/Estadão
José Patrício/Estadão

Na reserva da seleção brasileira, Jadson pensa na Recopa Sul-Americana

Jogador garante estar pronto para defender o São Paulo no primeiro jogo da decisão

AE, Agência Estado

28 de junho de 2013 | 14h19

SÃO PAULO - Dos jogadores são-paulinos, Jadson é o único que não teve folga durante a pausa para a Copa das Confederações. Parte da seleção brasileira, o jogador ainda não atuou na competição, mas tem participado normalmente das atividades comandadas por Luiz Felipe Scolari.

Por isso, mesmo afastado do grupo tricolor há um mês, ele garante estar pronto para defender o São Paulo no primeiro jogo da decisão da Recopa, na próxima quarta-feira, contra o Corinthians, no Morumbi.

"Venho treinando forte e após a disputa da Copa das Confederações já estarei pronto para a Recopa. É um jogo importante para nossa equipe, e torcida, e estou confiante de que faremos um bom jogo", comentou o meia, em entrevista publicada pelo site do São Paulo.

Mesmo sem ter atuado na Copa das Confederações, uma vez que tem a concorrência de outros três jogadores formados pelo São Paulo (Hernanes, Lucas e Oscar), Jadson comemora poder participar da competição.

"É um privilégio muito grande estar com a seleção brasileira. O grupo é forte e vem fazendo boa competição. Estou motivado, porque será uma decisão importante na minha carreira. Desde que cheguei ao São Paulo, muitas coisas boas estão acontecendo na minha vida e estar aqui na seleção é, sem dúvida, uma das principais", destacou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.