Divulgação
Divulgação

Na Venezuela, Atlético-MG começa a defender título da Copa Libertadores

Equipe mineira joga contra o desconhecido Zamora, na cidade de Barinas

Agência Estado

11 de fevereiro de 2014 | 07h49

BARINAS - Dois dos seis clubes brasileiros estreiam nesta terça-feira na fase de grupos da Copa Libertadores. Um deles é justamente o atual campeão do torneio continental. O Atlético Mineiro começa a defender o seu título contra o desconhecido Zamora, às 22h15 (de Brasília), no estádio La Carolina, na cidade de Barinas, na Venezuela, pelo Grupo 4.

A presença do meia Ronaldinho Gaúcho em campo injeta confiança em seus companheiros para a estreia na principal competição de clubes do continente americano. "Ele é um cara talentoso e nosso rendimento com ele tem sido absurdo. Estamos felizes com a sua volta e esperamos que o Ronaldinho possa ser como foi ano passado", disse o zagueiro Rever.

O atacante Diego Tardelli admitiu nesta segunda que o Atlético conhece pouco do seu adversário e do local da sua estreia na Libertadores, mas garantiu que esses fatores não vão afetar o desempenho da equipe. "Teremos dificuldades com gramados e equipes que não estamos acostumados a ver e nem jogar, mas, para nós, não tem mistério, já sabemos como funciona. Nosso time é forte, é praticamente o mesmo do ano passado, então, é questão de tempo a gente melhorar. Nada melhor que começar vencendo na Libertadores e, por isso, é importante fazer um bom jogo", disse.

Atual campeão, o Atlético fez um início praticamente perfeito no ano passado, com 15 pontos somados em seis jogos, o que lhe garantiu a melhor campanha da fase de grupos. Assim, Tardelli destacou a necessidade do time estrear com vitória diante do Zamora para tentar repetir a boa campanha. "Vencer no começo é importante, assim como a gente fez no ano passado. Claro que vamos jogar fora de casa, mas a Libertadores a gente já sabe como funciona. Sabemos todos os detalhes e que não tem adversário fácil. Estamos preparados para defender nosso título e esperamos começar com o pé direito a competição", afirmou.

Em relação ao time que foi campeão no ano passado, o Atlético tem duas principais novidades: o técnico Paulo Autuori, que já foi campeão com o rival Cruzeiro em 1997, e o experiente zagueiro Otamendi, grande reforço da temporada. No Grupo 4 ainda estão Independiente Santa Fé, da Colômbia, e Nacional, do Paraguai, que se enfrentam nesta quarta.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolLibertadoresAtlético-MG

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.