Na véspera de decisão, São Paulo leva treino ao Morumbi

O São Paulo faz nesta terça-feira, às 19 horas, seu último treino para o jogo desta quarta-feira contra o Chivas, às 21h45, no Morumbi, que vale a vaga na final da Libertadores. A medida já foi havia sido adotada há duas semanas, antes do jogo contra o Estudiantes, pelas quartas-de-final.A programação original do São Paulo previa o treino às 16 horas, no Centro de Treinamento da Barra Funda. Embora os portões estejam fechados para a torcida, o técnico Muricy Ramalho quer que os jogadores já sintam o clima do estádio, que na hora da partida terá público superior a 70 mil pessoas.E o zagueiro Lugano garantiu que, na hora da partida, o frio que tem feito em São Paulo nos últimos dias vai ser deixado de lado. "O Morumbi vai estar mais quente que a Arábia Saudita no verão ou que um vulcão", brincou o jogador, que promete um time ofensivo, apesar da vantagem. "Vamos sair para o jogo como fizemos no México. O melhor jeito é atacar e ser agressivo, sem deixar espaços", diz.Com a vitória por 1 a 0 no jogo de ida, em Guadalajara, o São Paulo tem o direito de jogar por um empate no Morumbi. Se perder pelo mesmo placar, a vaga será decidida nos pênaltis - vitória por qualquer outro placar garante a classificação ao Chivas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.