Na volta dos afastados, Flamengo treina com Pará e Alan Patrick para domingo

O primeiro treinamento do Flamengo após a decisão da diretoria e da comissão técnica de reintegrar os cinco jogadores que foram afastados por indisciplina indicou que eles devem ser aproveitados imediatamente por Oswaldo de Oliveira. Afinal, o treinador testou um time com dois deles entre os titulares, visando o duelo do próximo domingo com o Goiás.

Estadão Conteúdo

05 de novembro de 2015 | 12h45

Pará, Alan Patrick, Everton, Paulinho e Marcelo Cirino foram afastados do elenco do Flamengo em 28 de outubro e passaram a treinar em separado e em horário diferente ao dos demais jogadores do elenco após participação em uma festa logo após um treinamento. Além disso, eles também foram multados. Uma semana depois, porém, o clube recuou na decisão e decidiu voltar a utilizá-los.

Nesta manhã, no CT Ninho do Urubu, eles fizeram o primeiro treinamento ao lado dos demais companheiros após serem reintegrados. A exceção foi o atacante Marcelo Cirino, que ainda se recupera de um artroscopia no joelho direito e apenas realizou exercícios físicos na academia.

Oswaldo comandou trabalhos de finalização e táticos. E quando o treinador escalou um time titular, o lateral Pará e o meia Alan Patrick, que fazem parte da lista de jogadores reintegrados, treinaram entre os titulares, nas vagas que foram de Jonas e Everton nas atividades anteriores.

Assim, o time titular do Flamengo foi escalado no treinamento com: Paulo Victor; Pará, César Martins, Wallace e Jorge; Márcio Araújo, Jajá e Alan Patrick; Emerson Sheik, Gabriel e Kayke.

Derrotado em sete dos últimos oito jogos, o Flamengo se distanciou da luta por uma vaga na próxima edição da Copa Libertadores e está apenas em 11º lugar no Brasileirão com 44 pontos. Assim, o time tentará encerrar a má fase no duelo com o Goiás.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.