Na zona de rebaixamento, Flamengo demite Ney Franco

Vice-presidente Kléber Leite promete anunciar o novo técnico do clube já nesta segunda-feira

29 de julho de 2007 | 21h03

Horas depois do empate com o Corinthians por 2 a 2, resultado que manteve o Flamengo na zona de rebaixamento, o vice-presidente do clube carioca, Kléber Leite, anunciou na noite deste domingo a demissão do técnico Ney Franco. O diretor promete anunciar o nome do novo comandante já na segunda-feira, mas os indicados não foram revelados - Joel Santana é o mais cotado."Após o jogo, tivemos um consenso, inclusive por parte dele. Não teria porque insistir. Agradecemos muito a sensibilidade dele. Foi um treinador que, em pouco mais de um ano, deu três voltas olímpicas, mas, infelizmente, é a nossa cultura", disse Kléber Leite à Rádio Globo, lembrando os títulos da Copa do Brasil (2006) e do Estadual do Rio (2007) - a equipe da Gávea também ficou em primeiro na Taça Guanabara nesta temporada.Parte da torcida já exigia a demissão do treinador desde a derrota para o Grêmio, por 1 a 0, na semana passada, no Estádio Olímpico. No jogo deste domingo, no Morumbi, os torcedores levaram faixas que diziam: "Fora, Ney Fraco", um trocadilho com o sobrenome do treinador.Contratado em 22 de maio de 2006, Ney Franco assumiu o comando do Flamengo após a demissão de Waldemar Lemos. Ney estava no Ipatinga e foi muito criticado ao levar alguns atletas da equipe mineira para a Gávea, como Walter Minhoca, Paulinho, Irineu e Diogo - alguns não se acertaram no time e acabaram dispensados. Em um ano e dois meses à frente do Flamengo, Ney Franco obteve 34vitórias, 17 empates e 24 derrotas.Após disputar 12 jogos - possui três a menos que alguns clubes que estão na liderança -, o Flamengo ocupa a penúltima colocação do Nacional com 12 pontos, apenas dois à frente do lanterna América-RN. Na próxima rodada a equipe carioca enfrenta o Santos, somente no domingo (5 de agosto), na Vila Belmiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.