Nacional vence River Plate e complica time argentino

O Nacional, do Uruguai, não decepcionou sua torcida, que lotou o estádio Centenário, em Montevidéu, e derrotou o River Plate por 3 a 0, nesta quinta-feira, pelo Grupo 3 da Copa Libertadores da América. O resultado mantém o time uruguaio com 100% de aproveitamento na competição.

AE, Agencia Estado

20 de março de 2009 | 00h06

Com nove pontos, o Nacional lidera a chave e está perto da classificação às oitavas-de-final. O River Plate, com três, está na terceira colocação e agora terá de vencer os uruguaios, em Buenos Aires, no próximo dia 7, para seguir com chances.

Os gols do Nacional foram marcados por Álvaro Fernández, aos 40 minutos do primeiro tempo, Medina, aos 28, e Victorino, em cobrança de falta, aos 50 da segunda etapa.

GRUPO 5 - Na cidade argentina de La Plata, o Estudiantes não tomou conhecimento do Deportivo Quito, do Equador, e conseguiu uma goleada por 4 a 0, no jogo que encerrou a quarta rodada do Grupo 5. Com os três pontos, o time da casa assumiu a vice-liderança da chave, com seis pontos - um a mais que os equatorianos e quatro a menos que o líder Cruzeiro.

O grande destaque da partida foi o atacante Boselli, autor de três gols. Pérez marcou o outro tento do Estudiantes e o meia Verón comandou a equipe com belas jogadas e duas assistências.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa LibertadoresRiver Plate

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.