Nando Reis rouba a cena no vôo são-paulino

O cantor e compositor Nando Reis, que ganhou fama com a banda Titãs nos anos 80, foi um dos convidados vip do São Paulo para acompanhar a delegação até Guayaquil. E realmente exerceu o papel de um vip durante o cansativo vôo de São Paulo até Guayaquil. Conversou com boa parte dos jogadores e gentilmente tirou foto com os fãs, muitos deles do próprio time. Um de seus maiores admiradores é Rogério Ceni, que se acomodou ao seu lado para trocar idéias. Rogério gosta de música, especialmente rock, e toca guitarra.Nando é fanático são-paulino e, por isso, foi chamado pela cúpula tricolor. Pouco antes do embarque, o técnico Cuca quis certificar-se de que o músico estava preparado para torcer pela equipe para ´liberar´ sua passagem. "Você está usando meia de lã, né?" Nando garantiu ser pé-quente e disse que vai dar sorte para o São Paulo.Durante a viagem, fez questão de parabenizar Luís Fabiano por suas boas atuações e pelos gols. O elenco são-paulino, que se hospedou no mesmo hotel do Santos, em Guayaquil, teve boa surpresa na chegada. O local era, também, o ponto onde ficaram as candidatas a miss Equador. No fim da tarde, os jogadores fizeram treino leve.

Agencia Estado,

03 de março de 2004 | 19h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.