Não ir à final seria fracasso para a França, diz Sagna

O lateral-direito Bakary Sagna não quer que a França seja somente mais uma participante desta Copa do Mundo. A três dias no duelo pelas oitavas de final, contra a Nigéria, em Brasília, o jogador disse que será "um fracasso" caso a seleção francesa não chegue à final.

AE, Agência Estado

27 de junho de 2014 | 16h25

"Só teremos triunfado no Mundial se chegarmos até a final. Não chegar lá seria um fracasso", afirmou o defensor que joga no Manchester City, da Inglaterra. "Como jogador, tenho que dizer que aspiramos chegar o mais longe possível e levar o título", completou.

O defensor de 31 anos, que começou entre os titulares o jogo da última quarta-feira, contra o Equador, quando a França empatou sem gols, deve voltar ao banco de reservas na partida contra os nigerianos. Ele expressou vontade de jogar, mas preferiu exaltar o conjunto francês.

"Para irmos à final devemos estar juntos", disse Sagna. "Quero jogar, mas estou aqui para o que a seleção precisar. Não podem jogar os 23", completou.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2014futebolSagna

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.