'Não queremos vender Neymar e ele não quer sair', diz diretor do Santos

Dirigente afirma que clube alvinegro não assinou nada com o Real Madrid

EFE

11 de agosto de 2011 | 09h04

VALENCIA - O dirigente do Santos Fernando Silva disse à Agência Efe que a equipe "não quer vender Neymar, e o jogador não quer sair".

Fernando Silva lidera a delegação da equipe sub-20 do Santos que se encontra na localidade de L'Alcudia, na província de Valencia, para participar do Torneio Cotif.

Silva assegurou que as negociações com o Real Madrid "estão paralisadas", após negar que o Santos tenha assinado um acordo prévio com o clube merengue. "Não é verdade, não foi assinado nenhum documento", disse.

O diretor acredita que Neymar "deveria esperar pelo menos duas temporadas antes jogar em uma equipe europeia", e acrescentou que, se fosse pelo clube, "não sairia nunca".

Os dirigentes do Santos que se encontram em L'Alcudia lembram que "desde muito pequeno já se via que Neymar era um jogador diferente".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantosReal MadridNeymar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.