Marcelo Sadio/Divulgação
Marcelo Sadio/Divulgação

'Não tem o que comemorar', diz Alecsandro no Vasco

Jogador está insatisfeito com momento do time, que não vence a sete partidas

AE, Agência Estado

12 de novembro de 2012 | 09h49

RIO - O atacante Alecsandro marcou pela décima vez no Campeonato Brasileiro no último domingo, 11, quando fez o único gol do Vasco no empate por 1 a 1 diante do Atlético-MG, em casa, pela 35.ª rodada. Após balançar a rede, no entanto, o jogador não comemorou e após a partida explicou que a insatisfação com o atual momento da equipe o impediu de celebrar.

"Comemorar o quê? A essa altura era para estar comemorando título. Não tem nada para comemorar, vamos jogar pela dignidade. O grupo não está merecendo passar por esse momento", declarou.

Depois de passar boa parte do campeonato no G-4, o Vasco caiu de produção, não vence há sete partidas e caiu para a sétima colocação, distante da zona de classificação para a Libertadores do ano que vem. Alecsandro, no entanto, lembrou que o time vem de boas campanhas nos últimos anos e demonstrou otimismo para o futuro.

"É bom lembrar, quando cheguei o time se encontrava em situação bem ruim. Ganhamos a Copa do Brasil e voltamos para a Libertadores depois de 11 anos. Fomos vice-campeões brasileiros, tivemos recorde no G4, há muito tempo não vivíamos uma fase como essa", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoVascoAlecsandro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.