Clayton de Souza/AE
Clayton de Souza/AE

'Não vou parar de jogar após o meu contrato', diz Danilo

Meia de 33 anos fala em 'autocrítica' para tomar decisão, mas não pensa em se aposentar

CIRO CAMPOS, Agência Estado

20 de setembro de 2012 | 21h33

SÃO PAULO - O meia Danilo, de 33 anos, avisou que não pretende se aposentar ao fim do contrato com o Corinthians. O acordo entre o jogador e o clube foi firmado na última quarta-feira e o vínculo foi estendido até julho de 2014.

"Nunca pode pensar em parar. Eu procuro pensar a cada dia, cada jogo, cada treino. Enquanto estiver me sentindo bem, vou jogar. Mas é preciso saber ter autocrítica e saber a hora de parar", disse o meia, que contou estar feliz com a renovação. "Fico feliz de permanecer mais esse período. Eu me sinto em casa. As partes estavam querendo e, quando é assim, tende a definir mais rápido", contou.

Um dos grandes motivos para continuar no clube, além das boas atuações, é a oportunidade de conquistar pela segunda vez o Mundial de Clubes no Japão. Em 2005, Danilo foi campeão do torneio pelo São Paulo e depois atuou entre 2007 e 2009 pelo Kashima Antlers. Por causa dessa passagem, ele espera receber bastante carinho no Japão. "Tenho muitas saudades de lá, onde deixei vários amigos. Espero que a torcida do Kashima ajude o Corinthians", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansDanilo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.