Angelo Carconi/EFE
Angelo Carconi/EFE

Napoli faz 3 em 15 minutos, bate Lazio e continua líder do Italiano

Equipe mantém liderança da competição com vitória por 4 a 1, fora de casa; Juventus segue na cola

Estadão Conteúdo

20 de setembro de 2017 | 18h23

O Campeonato Italiano tem agora, após cinco rodadas, apenas dois times com 100% de aproveitamento - a Internazionale empatou na última terça-feira. Nesta quarta, Napoli e Juventus venceram e, empatados com 15 pontos, estão mostrando que farão mais uma vez uma boa briga pelo título - que será o sétimo de forma consecutiva para a equipe de Turim. O time napolitano fez 3 gols em 15 minutos e ganhou de virada da Lazio por 4 a 1, mesmo jogando em Roma, e os atuais campeões suaram para bater em casa a Fiorentina por 1 a 0.

No estádio Olímpico, na capital italiana, o Napoli usou a sua força ofensiva no segundo tempo para golear a Lazio e se manter na liderança pelo saldo de gols (16 contra 11 da Juventus). A primeira etapa foi dos romanos, que criaram mais chances e abriram o placar com o zagueiro holandês De Vrij, aos 30 minutos, após assistência do centroavante Immobile.

Depois do intervalo, só deu o time napolitano. O empate veio com o zagueiro senegalês Koulibaly, de cabeça, aos nove minutos. Aos 11, foi a vez do atacante espanhol Callejón virar o placar. E, aos 14, um belo gol do belga Dries Mertens ampliou a vantagem do Napoli, que pouco depois mandou uma bola na trave. A goleada só foi consumada nos acréscimos, aos 47, com o brasileiro naturalizado Jorginho cobrando um pênalti.

No Juventus Stadium, em Turim, o time da casa sofreu para ganhar da Fiorentina. Mesmo com o ataque formado pelos argentinos Dybala e Higuain e pelo croata Mandzukic, a Juventus só marcou no início do segundo tempo. Aos sete minutos, o colombiano Cuadrado cruzou pelo lado direito, a bola passou pela área e chegou em Mandzukic na segunda trave, que apenas tocou para as redes.

Pouco depois, aos 21 minutos, o Árbitro de Vídeo foi usado. Badelj fez falta em Matuidi quase na linha da grande área, mas o árbitro marcou pênalti. O recurso tecnológico foi solicitado e as imagens fizeram o juiz voltar atrás de sua decisão e apontar uma falta fora da área. Mas não livrou o zagueiro da Fioretina de ser expulso, pois já tinha um cartão amarelo.

OUTROS JOGOS

Atrás de Napoli, Juventus e Internazionale - esta com 13 pontos - está o Milan, que chegou aos 12 com a vitória em casa sobre o SPAL por 2 a 0, no estádio San Siro, em Milão. Os dois gols foram marcados em cobranças de pênalti. O primeiro com Ricardo Rodriguez, aos 26 minutos do primeiro tempo, e o segundo com Franck Yannick Kessie, aos 16 da segunda etapa.

A quinta colocação é do Torino, que subiu para 11 pontos ao derrotar a Udinese por 3 a 2, no estádio Friule, em Údine. A Sampdoria, ainda invicta com oito pontos, empatou fora de casa com o Verona por 0 a 0 e está atrás de Lazio (10) e Roma (9) na tabela de classificação.

Em recuperação no campeonato, a Atalanta goleou o Crotone por 5 a 1, em Bérgamo, e subiu para a nona colocação, com sete pontos. Também nesta quarta-feira, o Sassuolo bateu o Cagliari por 1 a 0, fora de casa, e Genoa e Chievo Verona empataram por 1 a 1, em Gênova.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.