Alberto Lingria/Reuters
Alberto Lingria/Reuters

Napoli goleia, vence a 10ª consecutiva e abre 4 pontos na liderança

Fora de casa, equipe de Nápoles fez 5 a 0 sobre o Cagliari

Estadão Conteúdo

26 de fevereiro de 2018 | 19h06

Agora com todas as atenções voltadas para o Campeonato Italiano, título que não conquista desde os tempos do astro argentino Diego Maradona em 1990, o líder Napoli fez mais uma vítima nesta segunda-feira. Mesmo jogando fora de casa, na ilha da Sardenha, o time napolitano goleou o Cagliari por 5 a 0, pela 26.ª rodada, conquistou a 10.ª vitória consecutiva na competição e abriu quatro pontos de vantagem na ponta.

+ Nevasca em Turim causa adiamento do jogo entre Juventus e Atalanta pelo Italiano

A goleada nesta segunda-feira fez o Napoli chegar a 69 pontos em uma das melhores campanhas da história até o momento - são 22 vitórias, três empates e apenas uma derrota. A diferença para a Juventus, a atual hexacampeã italiana, subiu para quatro, mas a equipe de Turim tem um jogo a menos - o duelo contra a Atalanta, que seria no último domingo, foi adiado por causa de uma forte nevasca na região norte da Itália neste final de semana.

No próximo final de semana, a batalha entre Napoli e Juventus pelo título prometem fortes emoções, já que ambos enfrentarão os clubes de Roma, que lutam por vaga na próxima edição da Liga dos Campeões. No sábado, os napolitanos receberão a Roma, que está em quinto lugar com 50 pontos, e o time de Turim viajará até a capital para encarar a Lazio, em terceiro com 52.

Em campo, o jogo começou equilibrado com os dois times procurando espaços para atacar. O Cagliari, preocupado com o risco de rebaixamento - é o 15.º colocado, com 25 pontos -, teve algumas chances, mas sucumbiu ao poderio ofensivo do Napoli ainda no primeiro tempo. O primeiro gol saiu aos 28 minutos. Após passar pelo marcador na direita, o volante brasileiro Allan foi até a linha de fundo e tocou para trás. De primeira, Callejón finalizou cruzado e rasteiro no canto direito do goleiro rival.

Um pouco antes do intervalo, aos 41 minutos, o Napoli fez o segundo. O lateral albanês Elseid Hysaj recebeu na direita e cruzou rasteiro na área para o atacante belga Dries Mertens se esticar e desviar a bola para o fundo das redes.

Na segunda etapa, o Cagliari se abriu ainda mais em busca de gols e se deu mal. Em uma jogada em que a bola passou pelos 11 jogadores, o Napoli marcou o terceiro. Aos 15 minutos, o meia eslovaco Marek Hamsik recebeu de Lorenzo Insigne na entrada da área e bateu colocado, de esquerda, no ângulo direito de Alessio Cragno. Foi seu 119.º gol pelo time napolitano, sendo o maior artilheiro da história do clube, e o 99.º em jogos pelo Campeonato Italiano.

A goleada apareceu aos 26 minutos. Após o zagueiro brasileiro Leandro Castán (ex-Corinthians) bloquear o chute com a mão dentro da área, Insigne cobrou o pênalti no canto direito e fez o quarto do Napoli. Sem frear o ímpeto ofensivo, os visitantes ainda marcaram o quinto gol. Nos acréscimos, em uma cobrança de falta certeira no ângulo esquerdo, o lateral-esquerdo português Mário Rui fechou o placar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.