Ciro de Luca/Reuters
Ciro de Luca/Reuters

Napoli pode ser 1º classificado na Liga; Barça recebe o Slavia Praga

Quarta rodada da principal competição europeia começa nesta terça-feira

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de novembro de 2019 | 04h30

O Napoli receberá nesta terça-feira o Red Bull Salzburg, pela quarta rodada do grupo E da Liga dos Campeões, em que pode garantir lugar nas oitavas de final, apesar de chegar ao jogo em crise pelos três tropeços seguidos no Campeonato Italiano. O dia na competição ainda terá o Barcelona recebendo o Slavia Praga, também de olho em melhorar a imagem deixada pelo último compromisso no Campeonato Espanhol; além de novos duelos entre Borussia Dortmund e Inter de Milão, e Chelsea e Ajax.

No estádio San Paolo, o Napoli, que tem sete pontos, sairá classificado se vencer o Salzburg, terceiro colocado, com três; e se o Liverpool, vice-líder, com seis, não for derrotado para o Genk, lanterna, com apenas um, na Inglaterra.

Os comandados pelo experiente técnico Carlo Ancelotti, no entanto, estão longe de viverem momento de calmaria, já que o presidente do clube, Aurelio De Laurentiis, ordenou que todos fiquem concentrados até domingo, um dia depois do jogo com o Genoa, pelo Italiano, devido aos maus resultados no campeonato.

No último sábado, o Napoli foi derrotado pela Roma por 2 a 1, no Estádio Olímpico, com isso, caiu para a sétima posição na competição nacional, já que vinha de empates com a modesta Spal, fora de seus domínios, e com a Atalanta, dentro de casa.

Para o jogo desta terça-feira, o Napoli não contará mais uma vez com o volante brasileiro Allan e com o lateral-esquerdo argelino Faouzi Ghoulam, ambos lesionados. O Red Bull Salzburg, por sua vez, aposta de novo as fichas no atacante norueguês Erling Braut Haaland, artilheiro da Liga dos Campeões, com seis gols.

No outro jogo da chave, o Liverpool pegará o Genk, em casa, depois de uma semana intensa em que, com reservas, empatou com o Arsenal em 5 a 5 e depois avançou nos pênaltis às quartas de final da Copa da Liga Inglesa, e em que superou o Aston Villa por 2 a 1, em virada alcançada nos instantes finais, pelo Campeonato Inglês.

Caso o time do goleiro Alisson, do volante Fabinho e do atacante Roberto Firmino vença e o Salzburg seja derrotado pelo Napoli, a equipe só precisará de mais um ponto nas duas últimas rodadas, para avançar às oitavas de final sem depender de qualquer resultado.

Pelo grupo F, o Barcelona receberá o Slavia Praga depois de perder para o modesto Levante por 3 a 1, fora de seus domínios, pelo Espanhol. Apesar de não ter perdido a liderança, o clube catalão ficou sem o atacante uruguaio Luis Suárez, que se lesionou e não entrará em campo pelo torneio continental.

Assim, o trio de ataque 'blaugrana' deverá contar com o argentino Lionel Messi, e os franceses Antoine Griezmann e Ousmane Dembélé. O volante brasileiro Arthur também não foi relacionado para a partida. No campeão tcheco, a única ausência certa é a do zagueiro David Hovorka, que está lesionado.

Borussia Dortmund e Inter de Milão, que estão empatados com quatro pontos, atrás do Barça, que tem sete, e na frente do Slavia, que tem um, se enfrentarão na Alemanha. No primeiro duelo entre as duas equipes, os 'nerazzurri' levaram a melhor por 2 a 0.

No grupo H, Chelsea e Ajax, que estão empatados com seis pontos e ocupam as duas primeiras posições, voltarão a jogar, dessa vez, na Inglaterra, duas semanas após os 'Blues' terem superado a equipe de Amsterdã, que estava com 100% de aproveitamento na competição.

A equipe inglesa, que começou mal a temporada e vem crescendo de produção, tem uma dúvida para a partida, que é o volante francês N'Golo Kanté, que se recupera de lesão. O time holandês, por sua vez, espera a recuperação do zagueiro mexicano Edson Álvarez, que sofreu concussão no fim de semana, em vitória sobre o Zwolle.

Pela mesma chave, o Valencia, terceiro colocado, com quatro pontos, buscará entrar na zona de classificação às oitavas de final, em duelo com o Lille, lanterna com apenas um ponto, em partida que acontecerá no estádio Mestalla.

Já o grupo G terá o líder, RB Leizpig, visitando o Zenit São Petersburgo, segundo colocado, na Rússia. Já o Lyon, que está em terceiro, jogará em seus domínios com o Benfica, último na tabela de classificação. / EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.