Divulgação
Divulgação

Náutico e Atlético-MG ficam no zero e continuam mal no Brasileirão

Com apenas oito pontos, time pernambucano continua na lanterna do torneio

ANGELA LACERDA, Agência Estado

10 de agosto de 2013 | 20h57

RECIFE - Náutico e Atlético-MG não conseguiram sair do 0 a 0, neste sábado à noite, na Arena Pernambuco, em Recife, pela 13.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado acabou sendo ruim para os dois lados, já que o time da casa seguiu estacionado na lanterna da tabela, com oito pontos, enquanto a equipe de Belo Horizonte seguiu no 16.º lugar, agora com 12.

Em último lugar, o Náutico precisava buscar a vitória e tentou aproveitar os contra-ataques. Chegou a criar algumas boas chances de gol e teve como grande trunfo o goleiro Ricardo Berna, que não falhou em nenhuma das vezes em que foi ameaçado pelo adversário.

O Atlético também pressionou, embora a partida, equilibrada, tenha sido bastante caracterizada pela marcação no meio de campo pelas duas equipes. A maior pressão do time mineiro ocorreu no segundo tempo, tendo Ronaldinho Gaúcho como protagonista. Aos 35 minutos, o meia-atacante bateu falta no ângulo esquerdo e Ricardo Berna evitou o gol com a ponta dos dedos. Aos 40, o astro chutou de primeira aproveitando sobra de João Felipe e a bola passou perto do canto esquerdo.

Ricardo Berna também impediu o gol em outras jogadas perigosas do Atlético também aos 15, 18 e 25 minutos do primeiro tempo. E aos 44, Ronaldinho Gaúcho recebeu na entrada da área, fez o giro e bateu de pé esquerdo, certeiro para o gol, mas o goleiro mergulhou no canto direito e fez a defesa.

No primeiro tempo, o Náutico criou pelo menos duas boas chances. Logo no primeiro minuto, Maikon Leite chutou na trave depois de receber bola do meio de campo e driblar o goleiro atleticano. Aos 34 minutos, Maikon Leite serviu Tiago Real pelo lado direito. O atacante passou por Victor, mas bateu na rede pelo lado de fora.

No início do segundo tempo, o alvirrubro novamente ameaçou com uma jogada iniciada por Auremir. Ele cruzou na área para Olivera, que cabeceou para baixo, encontrando a defesa segura de Victor.

FICHA TÉCNICA

NÁUTICO 0 X 0 ATLÉTICO-MG

NÁUTICO - Ricardo Berna; Auremir, Jean Rolt, William Alves e Dadá (Leandro Amaro); Elicarlos, Derley, Tiago Real e Rodrigo Souto (Jones Carioca); Olivera (Rogério) e Maikon Leite. Técnico: Zé Teodoro.

ATLETICO-MG - Victor; Marcos Rocha, Leo Silva, Rever e Junior César; Pierre, Josué (Lucas Cândido), Rosinei (Carlos) e Ronaldo Gaúcho; Richarlyson (Alecsandro) e Jô. Técnico: Cuca.

ÁRBITRO: Italo Medeiros de Azevedo.

CARTÕES AMARELOS: Leonardo Silva e Pierre (Atlético-MG); Derley (Náutico).

PÚBLICO: 19.997 pessoas.

RENDA: R$ 508.430,00.

LOCAL: Arena Pernambuco, em Recife (PE).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.