Náutico faz 3 a 0 e elimina Juventus em Recife

Time da Mooca não suporta a pressão e cai na Copa do Brasil depois de vencer o 1.º jogo por 2 a 0

Agência Estado,

02 de abril de 2008 | 22h42

Ameaçado pelo rebaixamento na última rodada do Campeonato Paulista, o Juventus foi eliminado da Copa do Brasil nesta quarta-feira à noite. Perdeu para o Náutico por 3 a 0, no Estádio dos Aflitos, em Recife, e viu o adversário reverter a derrota de Náutico 3 Eduardo    ; Serginho (Ruy), Vágner, Everaldo e Alessandro; Ticão, Radamés, Marcelinho (Paulo Almeida) e Geraldo; Felipe (Laborde    ) e Wellington Técnico: Roberto Fernandes Juventus 0 Jonatas; Valdir, Dedimar, Rafael (Fernando Diniz) e Naves; Levi, Anderson Luis     (Márcio Sena    ), Fernando Miguel     e Kanu (Ludemar); Cadu e Lima Técnico: José Carlos Fescina Gols: Geraldo, aos 6. Marcelinho, aos 12 minutos do primeiro tempo; Wellington, aos 28 minutos do segundo Árbitro: Adriano de Carvalho-TOEstádio: Aflitos, em Recife-PE 2 a 0 do primeiro duelo.   Veja também:  Calendário e resultados   O time pernambucano aguarda agora a definição do seu adversário nas oitavas-de-final, que sai do confronto entre Atlético Mineiro e Nacional-AM. Na primeira partida, houve empate por 2 a 2, em Manaus. O segundo jogo será realizado na próxima quarta-feira.   A vantagem conquistada pelo Juventus na primeira partida demorou apenas 12 minutos para se desfazer. Aos 6 minutos, Wellington tocou de cabeça e Geraldo fez a festa da torcida. Logo na seqüência, Marcelinho chutou de longe e fez 2 a 0 no placar, igualando o duelo na soma das duas partidas.   Na etapa final, o clube pernambucano seguiu melhor e chegou ao gol da classificação aos 28 minutos, com o atacante Wellington. Ele aproveitou confusão na área e marcou de cabeça.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa do BrasilNáuticoJuventus-SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.