Negueba leva cotovelada e chora no treino do Flamengo

A apresentação do lateral-esquerdo Junior Cesar, nesta quarta-feira, acabou ofuscada por um lance violento no treino da tarde no Flamengo. Ao tentar aplicar um drible em Willians, o atacante Negueba foi atingido com uma cotovelada e caiu no gramado. Atendido imediatamente pelo médico Marcelo Soares, o jovem deixou o gramado chorando.

AE, Agência Estado

25 de maio de 2011 | 19h58

O técnico Vanderlei Luxemburgo conversou com Willians depois da atividade e pediu mais prudência ao volante, que já havia se envolvido em confusões semelhantes no passado, sempre abusando da violência contra seus próprios companheiros.

Recém-contratado, o lateral-esquerdo Junior Cesar já treinou nesta quarta-feira, antes mesmo de ser apresentado à imprensa. Ele participou de um trabalho físico junto de Léo Moura. Já o zagueiro David foi poupado por conta de uma forte gripe e substituído por Ronaldo Angelim no time titular.

Com contrato assinado até dezembro de 2013, Junior Cesar pode até já aparecer como titular do Flamengo no domingo, contra o Bahia. Ele aguarda apenas a regularização de sua situação junto à CBF. O jogador, que vai usar a camisa 66 (a 6 é de Egídio) e revelou que tem seu nome em homenagem ao ex-lateral Junior, comemora a chance de defender as cores rubro-negras.

"Estou feliz, contente e não poderia ser diferente. Todo jogador quer atuar no Flamengo e comigo não poderia ser diferente. Chegou cheio de vontade de trabalhar e mostrar o meu futebol", disse Junior Cesar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.