Nelsinho Baptista não é mais o técnico da Ponte Preta

Treinador é deminitido na noite de sábado devido ao desempenho ruim da equipe no Brasileirão da Série B

23 de setembro de 2007 | 14h46

Após uma longa reunião com a diretoria da Ponte Preta, na noite do último sábado, Nelsinho Baptista deixou o cargo de técnico. De acordo com o diretor de futebol da Ponte, Sebastião Arcanjo, a decisão foi tomada pelo fraco desempenho do time no returno do Campeonato Brasileiro da Série B.   "A meta era estarmos no G4 após a partida contra o Ituano ou pelo menos a um ponto dos quatro primeiros. A vitória era obrigação e a diretoria não poderia aceitar nada menos que a vitória. Por isso, nos reunimos sábado à noite mesmo e decidimos desligar Nelsinho do cargo", afirmou Arcanjo. A diretoria promete anunciar o novo técnico na tarde de segunda-feira. Paulo Comelli é o nome mais forte.   Em sete jogos pelo segundo turno, a Ponte Preta empatou quatro, venceu dois e perdeu um. No último sábado, em Itu, ficou somente no empate por 1 a 1 com o lanterna Ituano. Com o resultado, o time campineiro chegou aos 38 pontos, na sétima colocação e ainda luta pelo acesso. O Criciúma, quarto colocado, tem 41.   O próximo desafio da Ponte será terça-feira, às 20h30, contra o Marília, em Campinas, pela 27ª rodada da Série B.

Tudo o que sabemos sobre:
Brasileirão Série BPonte Preta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.