Reprodução/Twitter/Fluminense
Reprodução/Twitter/Fluminense

Nenê é oficializado pelo Fluminense com acordo até o fim de 2020 

Jogador de 37 anos rescindiu com o São Paulo para acertar com o time das Laranjeiras

Redação, O Estado de S.Paulo

15 de julho de 2019 | 17h55

O meia Nenê foi oficializado, no final da tarde desta segunda-feira, como novo reforço do Fluminense. Por meio de nota publicada em seu site, o clube confirmou que o jogador de 37 anos assinou contrato para defender a equipe carioca até o fim de 2020 e será apresentado como reforço já nesta noite, às 19 horas, no auditório do Maracanã, estádio onde o time comandado por Fernando Diniz enfrentará o Ceará em seguida, às 20h, pelo fechamento da décima rodada do Campeonato Brasileiro.

O atleta havia rescindido o seu compromisso com o São Paulo na última sexta-feira e chegou ao Rio nesta segunda para realizar exames médicos e assinar o seu vínculo com Fluminense, que agora se tornou oficial.

"A chegada de Nenê adiciona técnica e experiência ao elenco tricolor. O jogador coleciona passagens marcantes por grandes clubes. Começou a carreira no Paulista, chamando a atenção do Palmeiras. Em 2003, se destacou no Santos e partiu rumo ao futebol europeu. No Velho Continente, Nenê passou por Mallorca, Alavés, Celta, Monaco e Espanyol, até que em 2010 chegou ao Paris Saint-Germain. No clube parisiense, foi artilheiro do Campeonato Francês na temporada 2011/2012, com 21 gols", destacou o Flu, por meio da nota publicada em seu site oficial ao confirmar a contratação do jogador.

"Após o sucesso no futebol francês, atuou no Al Gharafa e no West Ham, e posteriormente retornou ao Brasil, para jogar por Vasco e São Paulo, antes de chegar ao Fluminense", reforçou.

Ao confirmar a contratação do meio-campista, o clube das Laranjeiras também divulgou um breve vídeo em sua página no Twitter, em que mostra um uniforme do time tendo o número 77 e o nome do jogador sendo inscritos na camisa tricolor. "É anúncio do Nenê que vocês querem? Então toma! O Nenê está #FechadoComOsGuerreiros!", escreveu o Flu na sua rede social, usando também um emoji com o rosto de um bebê para identificar inicialmente o reforço nesta publicação.

Tudo o que sabemos sobre:
FluminensefutebolNenê

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.