Amanda Loman / AP
Amanda Loman / AP

New York City FC bate o Portland Timbers nos pênaltis e conquista o seu primeiro título da MLS

Após empate por 1 a 1 no tempo normal, Alex Callens converte sua cobrança para definir o triunfo por 4 a 2, neste sábado

Redação, O Estado de S.Paulo

11 de dezembro de 2021 | 21h20

Alex Callens converteu seu pênalti e o New York City FC conquistou, neste sábado, seu primeiro título da Major League Soccer (MLS), a liga americana de futebol, em uma disputa de penalidades, após um empate em 1 a 1 com o Portland Timbers.

O vencedor da Chuteira de Ouro Valentin Castellanos, que foi pretendido pelo Palmeiras, marcou no primeiro tempo e parecia que o New York City FC estava a caminho do campeonato no tempo regulamentar, mas Felipe Mora marcou para o Portland nos acréscimos. A equipe, que ingressou na liga em 2015 e faz parte do mesmo grupo empresarial do Manchester City, nunca havia avançado para a disputa do título.

Depois que as equipes ficaram sem marcar gols na prorrogação, o pênalti de Callen selou a vitória do New York City FC por 4 a 2 nos pênaltis. O goleiro Sean Johnson defendeu as finalizações de Mora e Diego Valeri.

O New York City FC festejou em frente à baliza após a conversão de Callens, enquanto Valeri ficou no centro do campo, incrédulo. Um grupo de jogadores nova-iorquinos interrompeu a festa para saudar seus torcedores, agrupados no canto oposto do estádio.

Castellanos, que marcou 19 gols na temporada regular, estava de volta à equipe titular depois de ficar de fora da final da Conferência Leste contra Filadélfia. O atacante argentino recebeu cartão vermelho nas semifinais da conferência contra o New England Revolution, que o New York City FC venceu na disputa de pênaltis após um empate por 2 a 2.

A vitória por 2 a 1 de Nova York sobre a Filadélfia garantiu ao New York City FC um lugar na final pela primeira vez. A equipe foi o quarto cabeça de chave no Leste depois de terminar a temporada regular por 14 vitórias, nove derrotas e 11 empates.

Os Timbers também foram cabeças de chave número 4, após 17 vitórias, 13 derrotas e quatro empates na temporada regular. Portland derrotou Colorado, antes de bater o Real Salt Lake, por 2 a 0, em Providence Park, para vencer a Conferência Oeste e garantir a vantagem de atuar em casa na final.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.