Ney faz mistério, mas deve manter Obina e Souza no ataque

O técnico do Flamengo, Ney Franco, resolveu fazer mistério e não revelou qual será o time titular do Flamengo na estréia da Libertadores, quarta-feira, em Potosí, na Bolívia, contra o Real Potosí. A tendência é manter a dupla com dois atacantes de área, Souza e Obina, enquanto Roni, que marcou o terceiro gol no empate por 3 a 3 contra o Botafogo, seguirá como opção no banco.Não foi difícil para Ney esconder o jogo, já que o time encarou uma verdadeira maratona nesta segunda-feira para chegar à Bolívia. O vôo saiu do Rio à tarde, com escala em São Paulo, e só chegaria a Santa Cruz de la Sierra no início da noite. Depois, a previsão era de viajar num avião da Força Aérea Boliviana até Sucre, local da concentração.A viagem até Potosí será feita apenas momentos antes da partida, para minimizar os efeitos da altitude de Potosí - perto dos quatro mil metros, mais alta que a capital La Paz, conhecida por causar problemas às equipes adversárias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.