Alex Silva/AE
Alex Silva/AE

Ney Franco admite São Paulo 'abaixo do esperado'

Apesar das críticas, técnico deu valor à classificação para a fase seguinte do campeonato

AE, Agência Estado

22 de agosto de 2012 | 08h41

SÃO PAULO - A vitória por 2 a 0 diante do Bahia, na última terça-feira, e a classificação para as oitavas de final da Copa Sul-Americana não foram suficientes para deixar Ney Franco plenamente satisfeito com o futebol do São Paulo. O treinador admitiu que a equipe esteve "abaixo do esperado", mas apontou que o importante foi a vitória e a vaga na fase seguinte da competição.

"Não corremos riscos contra o Bahia, mas foi um pouco falta de concentração no jogo. Com isso, o desempenho técnico abaixo do que a gente espera da equipe", declarou. "Em relação ao jogo, valeu pela classificação. O primeiro tempo teve muitos erros técnicos, demos o contra-ataque com jogadores de velocidade. No intervalo da partida, só cobrei melhor desempenho na qualidade técnica", completou.

Para Ney, o time paulista melhorou no segundo tempo da partida, quando chegou aos seus dois gols. "Na segunda etapa, a nossa equipe cresceu, criou mais duas oportunidades claras de gol. Agora é só esperar a definição do nosso adversário. Temos um longo tempo para pensar na Sul-Americana", afirmou, já projetando o confronto das oitavas, contra o vencedor do duelo entre LDU de Loja, do Equador, e Nacional, do Uruguai.

Com a classificação garantida, as atenções voltam para o Campeonato Brasileiro. Neste domingo, o São Paulo entra em campo pela última rodada do primeiro turno da competição, em clássico diante do Corinthians. Ney Franco espera contar com os retornos de Douglas e Luis Fabiano, ambos em fase final de recuperação de lesões.

"Vou começar a pensar na quinta-feira, principalmente na sexta com o trabalho técnico. Espero que o Douglas seja liberado. A projeção é contar com ele e com o Luis", disse o treinador. "A alternativa de o Douglas jogar na esquerda é interessante, mas não quero adiantar nada agora, está muito cedo. É uma possibilidade", completou, pensando no substituto de Cortez, que está suspenso para a partida.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.