Piervi Fonseca/Agip
Piervi Fonseca/Agip

Ney Franco exalta Douglas e diz que lateral pode ser decisivo no São Paulo

Técnico promete que time não vai jogar retraído diante do Atletico-MG

PAULO FAVERO, Agência Estado

12 de fevereiro de 2013 | 13h45

SÃO PAULO - O técnico Ney Franco ratificou nesta terça-feira a decisão de escalar o lateral-direito Douglas no São Paulo na partida desta quarta-feira contra o Atlético Mineiro, em Belo Horizonte, pela primeira rodada do Grupo 3 da Copa Libertadores. Confiante, ele garantiu que o jogador, escalado no setor ofensivo, pode fazer a diferença para o time. Ele superou a concorrência de Aloísio e Cañete para ser titular.

"É um jogador que tem tudo para fazer uma grande temporada naquele setor. Ataca bem, sabe finalizar, chega no fundo com facilidade, recompõe o sistema defensivo. Ele tem muita força. Acredito muito nesse jogador", afirmou Ney, garantindo que Douglas tem condições de exercer a função que Lucas tinha no São Paulo até trocar o clube pelo Paris Saint-Germain.

O treinador também prometeu que o time não vai atuar retraído em Belo Horizonte diante do Atlético-MG. "São equipes ofensivas e não tem como fugir disso. O São Paulo vai encarar o Atlético de igual pra igual, vamos a Minas para vencer o jogo. Nossa proposta é igualar as condições ofensivas e sair de lá com um bom resultado", disse.

Ney avalia que o maior ritmo de jogo do São Paulo, que já disputou sete partidas na temporada, contra apenas duas do Atlético-MG, pode fazer a diferença. "Jogar no Independência é complicado sempre, há muita pressão. Mas do nosso lado, a sequência de jogos que tivemos, inclusive já passamos pela Libertadores, tem que ser usada a nosso favor. Nossa equipe hoje está num ritmo de jogo maior, já encarou decisões", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.