Daniel Teixeira/Estadão - 15/07/2012
Daniel Teixeira/Estadão - 15/07/2012

Ney Franco lamenta desatenção do São Paulo no primeiro gol atleticano

Apesar de elogiar o desempenho do time, treinador criticou a falha da defesa no lance

MARCELO PORTELA, Agência Estado

14 de fevereiro de 2013 | 08h30

BELO HORIZONTE - O técnico Ney Franco classificou como "falta de atenção" da defesa e "esperteza" de Ronaldinho Gaúcho o primeiro gol do Atlético-MG na vitória de 2 a 1 sobre o São Paulo, na última quarta-feira, pela estreia das equipes na Libertadores. No lance, o meia atleticano recebeu uma cobrança de lateral completamente sozinho na área e teve tranquilidade para rolar para Jô completar.

"Foi um gol anormal no futebol", disse o técnico da equipe paulista. "Foi uma jogada trabalhada e a gente tem que dar parabéns. Todo jogador sabe que não existe impedimento na (cobrança de) lateral. O Ronaldo, na minha opinião, foi muito esperto", acrescentou Ney Franco.

Ele declarou que considerou o jogo "equilibrado o tempo todo", mas afirmou que saiu "insatisfeito" do estádio Independência pelo resultado. "Logicamente, a equipe que sai na frente nesse tipo de jogo fica mais tranquila. No segundo tempo, a gente foi merecedor até de um resultado melhor", avaliou.

O próprio Ney Franco, no entanto, elogiou a maneira como o São Paulo se portou em campo e adiantou que, mesmo com algumas falhas do time, não pretende fazer alterações para as próximas rodadas da Libertadores. "A gente não vai ficar mudando a equipe", garantiu. "Saio satisfeito com a forma de jogar da equipe. A observação é muito em cima do resultado, mas fico satisfeito com a forma que o time jogou."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.