Ney Franco lamenta 'incompetência' da seleção brasileira Sub-20

MOQUEGUA - O técnico Ney Franco ficou claramente frustrado com o desempenho da seleção brasileira Sub-20 no empate com a Bolívia, por 1 a 1, neste domingo, em Moquegua, no Peru. Ele lamentou a "incompetência" do time para conseguir a vitória na terceira rodada do Sul-Americano da categoria, apesar de o resultado ter garantido a classificação antecipada do Brasil para o hexagonal final.

AE, Agência Estado

23 de janeiro de 2011 | 17h08

"A gente teve uma incompetência enorme para vencer o jogo, em todos os setores. Criamos as oportunidades ofensivamente, mas nossa bola não entrou. E cometemos alguns erros defensivamente", disse Ney Franco, lembrando que o Brasil chegou a mandar quatro bolas na trave da Bolívia e tomou o gol de empate num vacilo da defesa após um rápido contra-ataque no final da partida.

Com o empate, o Brasil passou a ter sete pontos, ainda na liderança isolada do Grupo B do Sul-Americano. Assim, garantiu a classificação antecipada para o hexagonal final, o que deve fazer Ney Franco poupar alguns titulares na última rodada da primeira fase. Ele, no entanto, não quis adiantar se dará descanso para os jogadores diante do Equador, na madrugada de quarta-feira.

Principal estrela da seleção Sub-20, o atacante Neymar afirmou que o empate com a Bolívia serve de "lição" para o Brasil. "Foi bom ter acontecido isso agora", admitiu o jogador. "Faltou acertar o pé, perdemos chances que a gente não costuma perder", completou o também atacante Diego Maurício, ao comentar os gols perdidos pelos brasileiros e as quatro bolas na trave da Bolívia.

Veja também:

link Brasil só empata, mas avança no Sul-Americano Sub-20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.