Ney Franco quer vencer Goiás e tranquilizar Botafogo

Com apenas uma vitória no Campeonato Brasileiro, o Botafogo ocupa a zona de rebaixamento da competição, na 18ª colocação, com apenas seis pontos conquistados. Outro resultado que não um triunfo contra o Goiás, sábado, no Engenhão, pode selar de vez a saída do técnico Ney Franco, apesar de a diretoria prosseguir com seu discurso de defesa do treinador. No treino desta segunda-feira, Ney reforçou a necessidade de vencer os goianos.

AE, Agencia Estado

22 de junho de 2009 | 19h58

"Temos um planejamento a longo prazo. Vamos retomar os trabalhos e conseguir a recuperação contra o Goiás em nossa casa", disse o técnico botafoguense.

Mas apesar do discurso do treinador, o clima nesta segunda-feira, após a derrota por 4 a 3 para o Vitória, no sábado, era muito diferente do encontrado na semana passada, quando a equipe havia conquistado sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro. O resultado parecia estampado nos rostos desanimados dos jogadores, que pouco falaram na reapresentação do elenco, em General Severiano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.