Neymar demonstra irritação novamente ao ser substituído

Atleta passa reto pelo técnico e acende rumores sobre mal estar

O Estado de S. Paulo

16 Março 2015 | 10h46

Além dos problemas com Messi, trazidos a público pelos próprios jogadores do Barcelona, a relação do técnico Luis Enrique com o brasileiro Neymar também não parece ser das melhores. Neste sábado, quando os catalães bateram o Eibar por 2 a 0 pelo Campeonato Espanhol, o camisa 11 se irritou novamente ao ser substituído e não cumprimentou o comandante no banco de reservas.

Trocado por Pedro aos 25 minutos do segundo tempo, o jogador saiu de campo com cara de poucos amigos. Ao chegar no banco de reservas, ele cumprimentou seus colegas e preparadores, mas passou reto por Luis Enrique. O treinador, aliás, só se levantou após o jogador ter passado por ele. O vídeo foi captado pelo canal espanhol Cuatro.

Ao se sentar no banco, o brasileiro retira as fitas do tornozelo e as arremessa no chão, em claro sinal de irritação. Depois, cobre o rosto com a camisa e permanece assim por quase 2 minutos. O preparador de goleiros do Barcelona, José Ramón de la Fuente, chega a perguntar o que houve, mas o jogador apenas resmunga com semblante fechado.

Apesar da boa fase, Neymar vem sendo substituído com frequência no decorrer das partidas. Na temporada, já são 26 gols em 34 partidas no total. Nos 19 jogos em que atuou como titular no Campeonato Espanhol, o atacante completou apenas 12, o que pode estar gerando um mal estar com o treinador. Luís Enrique, aliás, já teve uma discussão com o astro da equipe e amigo de Neymar, Lionel Messi, trazida a público pelos próprios jogadores. O técnico, inclusive, vem se recusando a responder perguntas sobre sua relação com o argentino.

Apesar do ambiente conturbado, o Barcelona vive boa fase. Na Liga dos Campeões, basta um empate em casa, contra o Manchester City, para se classificar à fase de quartas de final após ter ganho o jogo de ida por 2 a 1 na Inglaterra. Além disso, equipe ultrapassou o Real Madrid e assumiu a liderança do Campeonato Espanhol. Os arquirrivais merengues, aliás, são os próximos adversários dos blaugranás em duelo que vale a ponta da tabela e a artilharia do campeonato, dividida entre Messi e Cristiano Ronaldo. O duelo acontecerá no próximo domingo, no Camp Nou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.