Michel Euler / AP
Michel Euler / AP

Neymar e Mbappé marcam e asseguram vitória do PSG sobre o Nantes no Francês

Atacante brasileiro foi mais aplaudido que vaiado ao ser substituído por Cavani no segundo tempo

Redação, Estadão Conteúdo

04 de dezembro de 2019 | 20h20

Um gol de letra de Mbappé e outro em cobrança de pênalti de Neymar garantiram ao Paris Saint-Germain a vitória por 2 a 0 sobre o Nantes, nesta quarta-feira, em casa, no estádio Parque dos Príncipes, em Paris, no encerramento da 16.ª rodada do Campeonato Francês.

Com o triunfo, o 12.º em 15 jogos, o Paris Saint-Germain foi a 36 pontos e se manteve tranquilo na liderança, uma vez que soma cinco a mais que o vice-líder Olympique de Marselha. Vale destacar que o time parisiense tem um jogo a menos, já que o duelo da rodada anterior contra o Monaco, que seria disputado no domingo, foi adiado para janeiro em razão do mau tempo. O Nantes é o nono, com 23 pontos.

Em campo, o PSG não precisou jogar um grande futebol para superar o Nantes. O time parisiense contou com Neymar e Mbappé, seus dois principais craques, para assegurar a vitória. O atacante francês abriu o placar em lindo gol de letra no início do segundo tempo, completando cruzamento de trivela de Di Maria.

O craque brasileiro teve boa atuação e chegou a balançar as redes duas vezes. No entanto, o primeiro gol foi invalidado com o auxílio do VAR, que viu falta de Draxler antes de Neymar concluir de esquerda. O gol que valeu saiu em cobrança de pênalti sofrido por Icardi.

Neymar foi substituído pelo uruguaio Cavani no final do jogo e recebeu mais aplausos do que vaias ao deixar o gramado. Os protestos ficaram a cargo dos "ultras" da equipe de Paris. O camisa 10, ao contrário do que vinha fazendo, não foi para o vestiário e ficou no banco de reservas até o final do jogo.

Nos outros jogos desta quarta-feira, o Saint-Étienne (quinto) goleou o Nice (14.º) por 4 a 1, o Rennes (sétimo) superou o Metz (18.º) fora de casa por 1 a 0, o Monaco (13.º) derrotou o Toulouse (20.º) por 2 a 1 e Dijon (16.º) e Montpellier (sexto) empataram por 2 a 2. A partida entre Amiens e Reims foi adiada em virtude de uma densa neblina que atrapalhou a visibilidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.