Evelson de Freitas/AE
Evelson de Freitas/AE

Neymar garante não estar cansado para clássico contra o Corinthians

'Depois que eu cheguei, abracei a minha mãe a minha irmã, o cansaço passou', diz o jogador

SANCHES FILHO, Agência Estado

18 de fevereiro de 2011 | 21h41

SANTOS - Antes de Adílson Batista anunciar o Santos que entrará em campo neste domingo para enfrentar o Corinthians, Neymar avisa que não está cansado e que está à disposição para jogar. "Depois que eu cheguei, abracei a minha mãe a minha irmã, o cansaço passou. Elas são as mulheres da minha vida", disse o artilheiro do Campeonato Sul-Americano Sub-20 e que vai estrear neste domingo no Campeonato Paulista.

Na sua primeira entrevista do ano no CT Rei Pelé, nesta sexta-feira, Neymar não deixou pergunta sem resposta, mas repetiu que continua sendo o mesmo jogador que tirou Chicão do sério, ao dar um chapéu no zagueiro, na vitória do Santos por 2 a 1 contra o Corinthians no Paulistão do ano passado. "Só mudou a idade. Eu tinha 18 anos e agora estou com 19", brincou.

Com novo corte de cabelos no estilo moicano e os nomes da mãe (Nadine) e da irmã (Rafaela) tatuados nos punhos, ele chegou à sala de entrevistas do CT Rei Pelé, nesta sexta, dizendo que estava com saudade dos jornalistas. Parecia estar sendo sincero.

Na última vez que Corinthians e Santos se enfrentaram, Neymar foi o centro das atenções porque no jogo anterior xingou Dorival Júnior e o capitão Edu Dracena, provocando a maior crise do futebol santista desde a troca da direção. Não deveria jogar, mas o treinador foi mandado embora para que ele fosse escalado. Mesmo assim, o Corinthians, dirigido por Adilson Batista, ganhou dentro da Vila Belmiro.

Neste domingo, Neymar será a maior atração do clássico que não terá mais Ronaldo e Roberto Carlos. Sobre a crise com Dorival, disse que serviu para o seu aprendizado e que já faz parte do passado. Sobre a ausência dos dois galácticos, o garoto diz que é bom para o Santos. "Mas é ruim para o futebol. O Corinthians não fica mais fraco porque tem outros jogadores de qualidade".

Veja também:

linkAdílson Batista garante Neymar no clássico

linkProposta russa chega e Jucilei não é relacionado para o jogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.