Divulgação / QNB
Divulgação / QNB

Neymar passa a ser patrocinado por maior banco da África e do Oriente Médio

Grupo financeiro QNB está presente em 31 países e tem marca avaliada em 16,5 bilhões de reais

Estadão Conteúdo

10 de dezembro de 2018 | 13h09

Neymar Jr. assinou mais um contrato de patrocínio. Dessa vez, o atacante brasileiro, que joga pelo PSG, se tornou embaixador do banco QNB, maior grupo financeiro da África e do Oriente Médio. O acordo foi assinado pelo gerente geral de comunicação do QNB, Yousef Darwish, e pelo pai do jogador, Neymar, que administra a carreira do jogador através da empresa NR Sports & Marketing.

O acordo garante para a QNB os direitos de marketing de Neymar Jr. como Embaixador da Marca, em todas as plataformas de propagandas e anúncios de marketing, onde ele aparecerá através dos principais negócios. 

Darwish explicou o que a empresa busca ao patrocinar o brasileiro. "É um homem que divide muitos dos mesmos valores que a nossa marca e que sempre está à procura de oportunidades para atingir a grandiosidade. Nomeado como uma das 100 pessoas mais influentes no mundo, Neymar Jr. é um verdadeiro ícone no esporte, que inspira fãs ao redor do mundo a atingir o seu nível máximo de excelência", afirmou.

O grupo ressaltou a presença de Neymar nas redes sociais. Somando Facebook, Twitter e Instagram, o brasileiro tem 209 milhões de seguidores.

Do lado do jogador, Neymar pai afirmou que o jogador apoia as realizações do grupo financeiro no esporte. "Estamos muito orgulhosos em fazer essa parceria com a QNB. Neymar Jr. compartilha dos mesmos valores da QNB e sua constante busca por excelência e por grandes resultados em todos os jogos. Estamos felizes em apoiar os esforços da QNB em unir a comunidade através do futebol e inspirar pessoas, não apenas em ir atrás do sucesso, mas também de desafios, para serem melhores".

A marca do banco está avaliada em 4,2 bilhões de dólares (R$ 16,5 bilhões). O Grupo QNB patrocina diversas iniciativas e programas esportivos em vários países, visando se tornar a marca líder no Oriente Médio, África do Norte e o Sudeste Asiático. A presença do grupo se estende para mais de 31 países ao redor de três continentes. O número total de funcionários está em cerca de 29.000, operando em mais de 1.200 locais. 

 
Mais conteúdo sobre:
futebolNeymarQNB

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.