Wong Maye-E/AP<br>
Wong Maye-E/AP

Neymar quebra jejum de 14 anos e iguala Romário, Careca e Zico

Craque é o sétimo jogador a marcar quatro gols em uma partida da seleção brasileira e o mais jovem a alcançar a marca, com 22 anos

Diego Salgado, O Estado de S.Paulo

14 de outubro de 2014 | 11h47

Pela primeira vez na carreira, Neymar marcou quatro gols com a camisa da seleção brasileira numa mesma partida e igualou façanha que durava 14 anos. Em outubro de 2000, Romário também fez quatro na vitória do Brasil por 6 a 0 sobre a Venezuela, com Candinho, auxiliar de Luxemburgo, no comando do time. Com os gols marcados nesta terça diante do Japão, em Cingapura, o camisa 10 da seleção também se igualou a Careca (1989), Zico (1977), Julinho (1953), Ademir (1950) e Zizinho (1946).

Neymar, entretanto, chegou ao feito mais jovem, com 22 anos. Julinho Botelho marcou quatro gols pela seleção diante da Bolívia, aos 23 anos, mesma idade de Evaristo de Macedo, único atleta a balançar a rede cinco vezes em uma partida do Brasil - o feito deu-se em 1957, quando o escrete nacional ganhou de 9 a 0 da Colômbia. Zico e Zizinho tinham 24 anos quando balançaram as redes quatro vezes numa mesma partida. Ademir, 27. Careca alcançou a marca aos 28 anos e Romário, naquele jogo contra a Venezuela, já tinha 34. 

O atacante do Barcelona já havia marcado três gols pelo Brasil em 2012, em amistoso contra a China (vitória por 8 a 0). Em duas oportunidades, ele fez dois gols: contra a Escócia (2 a 0) e Equador (4 a 2). Pelo Santos, o jogador fez mais de três gols em três apresentações de gala, diante do Guarani (8 a 1, em 2010, cinco gols), Atlético-PR (4 a 1, em 2011) e União Barbarense (4 a 0, em 2013). No Barcelona, o atleta ainda não chegou à marca.

RANKING

No total, Neymar já fez 40 gols em 58 partidas com a camisa da seleção brasileira, uma média de 0,69 gol por confronto. O ex-santista, com os quatro gols desta terça, ultrapassou Bebeto, que deixou sua marca 39 vezes pelo Brasil em jogos contra outras seleções. É importante frisar que esta lista dos artilheiros do Brasil leva em conta somente os gols marcados contra outras seleções. Pelé, por exemplo, tem 95 gols ao todo com a camisa do Brasil, mas somente 77 diante de outras seleções.

De modo que o craque do Barcelona ocupa a quinta posição entre os maiores artilheiros da seleção brasileira de acordo com esse critério. Zico (48 gols), Romário (55), Ronaldo (62) e Pelé (77) estão à sua frente. Na temporada 2014/2015, Neymar já fez 15 gols em 13 partidas. Com a camisa do Barcelona, foram dez gols em nove apresentações - sete pelo Campeonato Espanhol, um pela Liga dos Campeões e dois em amistosos da pré-temporada do time espanhol.

Na seleção, que era de Felipão e agora está nas mãos de Dunga, em quatro jogos sob o comando do novo treinador, Neymar balançou a rede em cinco oportunidades.

QUATRO GOLS EM UMA PARTIDA PELA SELEÇÃO

Romário - Brasil 6 x 0 Venezuela (2000) - Eliminatórias

Careca - Brasil 6 x 0 Venezuela (1989) - Eliminatórias

Zico - Brasil 8 x 0 Bolívia (1977) - Eliminatórias

Zico - Brasil 6 x 0 Irlanda (1981) - Amistoso

Julinho Botelho - Brasil 8 x 1 Bolívia (1953) - Copa América

Ademir de Menezes - Brasil 7 x 1 Suécia (1950) - Copa do Mundo

Zizinho - Brasil 5 x 1 Chile (1946) - Copa América

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • Raí valoriza montagem do elenco do São Paulo para o Brasileirão
  • Em crise, Figueirense se movimenta para evitar novo W.O.
  • Corinthians, Palmeiras e São Paulo tem as melhores defesas do Campeonato Brasileiro
  • Podcast: personalidades do esporte analisam a situação do futebol no Brasil
  • Bruno Henrique vibra com gols no Maracanã: 'Semana mais feliz da minha vida'

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.