Wilton Júnior / Estadão
Wilton Júnior / Estadão

Neymar supera Messi e Cristiano Ronaldo e faz gol em mata-mata de Copa do Mundo

Nem argentino nem português conseguiram marcar um tento sequer nas fases decisivas em quatro Copas do Mundo

Estadão Conteúdo

02 Julho 2018 | 14h25

Precisava apenas de um, e ele fez: com o gol de hoje, Neymar superou Messi e Cristiano Ronaldo em gols marcados em mata-matas de Copa do Mundo. Nem o argentino nem o português, que já jogaram quatro Mundiais, marcaram nas fases decisivas do principal torneio do futebol.

+ Neymar manda recado aos mexicanos: ‘Falaram demais e foram embora para casa’

+ Cristiano Ronaldo deixa em aberto o seu futuro na seleção portuguesa após derrota

+ Eliminação leva Argentina a completar 25 anos sem conquistar títulos

Neymar marcou o sexto gol dele em Copas do Mundo ao abrir o placar para o Brasil diante do México; nesta Copa, o atacante já havia marcado contra a Costa Rica na primeira fase. Em 2014, o camisa dez anotou quatro gols, todos na fase de grupos. Foi a terceira partida de Neymar nos estágios decisivos da Copa - ele não atuou na semifinal e na disputa do terceiro lugar em 2014.

Messi tem a mesma quantidade de gols que Neymar na Copa do Mundo, mas todos foram anotados na primeira fase. Com a seleção argentina, o atacante do Barcelona passou em branco diante da México e Alemanha em 2006 e 2010; no Mundial de 2014, fez uma boa fase de grupos, mas não marcou nenhuma vez diante de Suíça, Bélgica, Holanda e Alemanha. Por fim, no atual Mundial, o craque não fez gol na eliminação diante da França, totalizando nove jogos sem marcar nos mata-matas.

Cristiano Ronaldo, por sua vez, tem sete gols no total, um em cada primeira fase das Copas de 2006, 2010 e 2014 e quatro na de 2018. A seleção portuguesa enfrentou Holanda, Inglaterra, França e Alemanha no mata-mata em 2006 e a Espanha em 2010, mas não se classificou para as oitavas em 2014. Na edição atual, Cristiano Ronaldo passou em branco na desclassificação de Portugal para o Uruguai e completou seis decisões sem anotar nenhum tento.

 

Com o gol de Neymar - e outro de Firmino - o Brasil bateu o México por 2 a 0 e jogará as quartas de final da Copa do Mundo da Rússia. Neymar tem a chance de abrir distância dos concorrentes pelo prêmio de melhor do mundo nessa estatística.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.