Nigéria demite técnico 4 meses antes da Copa do Mundo

Pouco mais de quatro meses antes do início da Copa do Mundo na África do Sul, a Nigéria anunciou neste sábado a demissão do treinador Shaibu Amodu, que estava no comando do time desde 2008. A saída do técnico foi definida em uma reunião na noite desta sexta-feira, e pesou o desempenho abaixo do esperado do time nigeriano na Copa Africana de Nações, que se encerrou no último domingo.

AE, Agencia Estado

06 de fevereiro de 2010 | 12h58

Esta foi a segunda vez que Amodu deixou o comando da Nigéria no ano da Copa do Mundo. Em 2002, o treinador também foi demitido, e pelo mesmo motivo. Assim como há oito anos, os nigerianos ficaram em terceiro na Copa Africana. Apesar da boa colocação, Amodu foi muito contestado neste ano por seu time não apresentar um bom futebol na competição vencida pelo Egito.

Segundo a federação nigeriana, os substitutos mais prováveis de Amodu são o holandês Guus Hiddink, atual técnico da Rússia, que ficou de fora do Mundial, Peter Taylor, ex-treinador interino da Inglaterra, Bruno Metsu, que comandou o Senegal na Copa de 2002, e Ratomir Dujkovic, técnico de Gana na última Copa. A definição do novo comandante da Nigéria deve acontecer até o final deste mês.

No Mundial da África do Sul, a Nigéria está no Grupo B, ao lado de Argentina, Coreia do Sul e Grécia. A estreia dos nigerianos será contra o time do técnico Diego Maradona. No dia 12 de junho, a Nigéria encara a seleção argentina em Johannesburgo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.