Nilmar admite ficar no Corinthians e espera decisão da Fifa

O atacante Nilmar falou pouco nesta quinta-feira, mas deixou claro a sua posição com relação ao seu futuro no Corinthians. Antes de passar por exames médicos na clínica do fisiologista Renato Lotufo, o jogador teve que passar por um batalhão de jornalistas, acabou dando algumas declarações e admitiu que pode jogar no clube paulista nesta temporada. Tudo dependerá de uma decisão da Fifa, que dever´acontecer até o próximo dia 10."Minha vontade é jogar. Se a Fifa decidir que vou jogar no Corinthians, eu jogo", contou o atacante, apressado para entrar na sala dos exames médicos. O jogador fez testes ergométricos, cardíacos e de impulso e, ao final, ainda contou que está confirmado para o período de pré-temporada com o resto do elenco em Jarinu, no interior de São Paulo. "Eu vou sim. Tem que respeitar".Além de Nilmar, outros seis jogadores realizaram os exames médicos - os zagueiros Marquinhos e Marcus Vinícius, os volantes Rafael Fefo e Paulo Almeida e os meias Roger e Rosinei. Os sete atletas seguirão à tarde para Jarinu - o resto do grupo, junto com o técnico Emerson Leão, partiu logo pela manhã.Roger, aliás, é um dos mais animados para que Nilmar se decida por ficar no Corinthians. Até já colocou o atacante no mesmo quarto na concentração para tentar convencê-lo a continuar no Parque São Jorge. "O Nilmar é hoje o melhor jogador no Brasil. Isso já mostra a importância dele para o grupo. Até já coloquei ele no meu quarto para ficar enchendo o saco dele para ficar aqui", brincou o meia. "Mas claro que ele tem que tomar a melhor decisão para ele e para os familiares".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.