Nilmar só deve voltar ao Corinthians na próxima semana

O atacante Nilmar não participou dos treinos com bola realizados pelo Corinthians na manhã desta terça-feira, no Parque São Jorge. Segundo o técnico Emerson Leão, o jogador, mesmo tendo acertado a sua situação com a diretoria, só deve retornar ao time na próxima semana. O principal motivo apresentado por Leão foi a interrupção dos trabalhos realizados por Nilmar no início do ano, quando ele abandonou a concentração. "Por causa disso, ele só terá condições de treinar com bola novamente na semana que vem. Assim, está fora contra o São Caetano", afirmou o técnico. Nilmar não disputa uma partida desde julho do ano passado, quando sofreu uma lesão no joelho direito. Na última segunda, o atacante rompeu o silêncio com a imprensa, explicou que nunca pensou em deixar o clube e que não sente mágoas dos dirigentes, nem do técnico Leão. Caso volte, Nilmar poderá ser a grande novidade para o clássico contra o São Paulo, que acontecerá no dia 11 de fevereiro. Só a verdade Após o treino coletivo, Leão afirmou que nunca mentiu em relação aos problemas envolvendo Nilmar. Segundo o treinador, ele sempre transmitia tudo o que era passado pela diretoria e pelo próprio jogador. No último dia 15, Nilmar havia dito a Leão que tomou a decisão de deixar a concentração por causa de um telefonema de Kia Joorabchian, do grupo MSI. A interferência deixou Leão nervoso, tanto que o treinador chegou a botar a culpa de todos os problemas do Corinthians no iraniano. No entanto, o próprio Nilmar contou na entrevista coletiva da última segunda que tudo não passava de mentira e que ele tinha inventado os fatos por estar de cabeça quente. "Pior foi o procurador dele (Orlando da Hora), que se usou de uma mentira para contar outra mentira. Tudo isso só serviu para provar que eu falei a real verdade", contou Leão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.