No 400º jogo de Jefferson, Botafogo empata com o Oeste

Time carioca não joga bem e só arranca o 1 a 1 aos 43 do 2º tempo

LUCIANO PÁDUA, ESPECIAL PARA A AE, Estadão Conteúdo

15 de setembro de 2015 | 23h45

O Botafogo empatou com o Oeste por 1 a 1 nesta terça-feira no Engenhão, no Rio de Janeiro, pela 26ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A partida marcou a comemoração pela 400ª partida de Jefferson no alvinegro carioca, mas o time não jogou bem e só conseguiu empatar aos 43 minutos do segundo tempo. Com 49 pontos, o Botafogo segue na liderança da tabela. O Oeste chega a 32 pontos e cai para a 14ª colocação.

O Botafogo começou melhor, ditando o ritmo do jogo. Aos 3, Sassá invadiu a área pela direita e bateu para o gol. O goleiro Leandro Santos defendeu, deu rebote e a defesa do Oeste afastou o perigo. Aos 9, William Arão rolou a bola na entrada da área para Camacho, que chutou fraco e facilitou a defesa de Leandro Santos. Embora melhor no jogo, o time carioca não conseguia imprimir velocidade nas jogadas.

Aos 19, Sassá recebeu enfiada de bola na área, se antecipou à zaga e bateu para boa defesa de Leandro Santos. O jogo passou a ficar feio, com muitos erros de passe e jogadas infrutíferas. O Botafogo, que tinha mais volume de jogo, não conseguia encontrar espaços e a partida ficou morna.

Aos 39, após cruzamento na pequena área, Júnior Lopes tentou completar para o gol, mas Serginho desviou a bola para escanteio. Aos 47, o Botafogo criou a melhor oportunidade da primeira etapa. Sassá fez o pivô dentro da área e passou para Elvis, que bateu e a bola passou perto da trave antes de sair.

Na segunda etapa, Ricardo Gomes tentou deixar o time mais ofensivo e colocou Neilton no lugar de Serginho. O Botafogo tentava marcar o gol, mas, em rápido contra-ataque aos 2 minutos, Paulo Henrique foi lançado na direita e passou para Renan Motta na entrada da área. O atacante chutou forte, sem defesa para Jefferson, e abriu o placar para o Oeste.

Com a desvantagem, o clube carioca se lançou ao ataque. Aos 9, Luis Ricardo recebeu bom passe dentro da área e bateu cruzado. Sassá e Ligger dividiram e, por pouco, a bola não entrou. O alvinegro não conseguia criar boas jogadas e o Oeste se aproveitava dos espaços deixados.

Camacho bateu bem de fora da área, aos 29, e obrigou Leandro Santos a fazer uma boa defesa. Aos 30, Sassá conseguiu o giro no defensor adversário e bateu com força. A bola foi desviada e passou perto da meta. O clube carioca penou para conseguir criar jogadas.

A salvação veio aos 43, quando Tomas bateu muito bem falta e o goleio espalmou para escanteio. Na cobrança, Roger Carvalho, após erro de Leandro Santos, cabeceou e fez o gol de empate do Botafogo. Alívio para os torcedores botafoguenses, que já vaiavam a equipe.

As equipes voltam a jogar pela 27ª rodada no fim de semana. O Botafogo vai a Varginha, em Minas Gerais, na sexta-feira, para enfrentar o Boa no estádio Dilzon Melo, às 21h30. O Oeste recebe o Bragantino no sábado no José Liberatti, em Osasco, São Paulo, às 16h30.

 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BBotafogoOeste

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.