Divulgação/Atlético-GO
Divulgação/Atlético-GO

No Atlético-GO, Walter se diz arrependido de agressão no Goiás e almeja seleção

Aos 27 anos, atacante garante ter superado episódio com o goleiro Matheus

O Estado de S.Paulo

21 de março de 2017 | 17h46

O atacante Walter foi oficialmente apresentado aos torcedores do Atlético-GO em coletiva de imprensa, na tarde desta terça-feira, no auditório do Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia. Pela manhã, o jogador, de 27 anos, já havia participado do primeiro treino com os companheiros no novo time.

O atleta teve uma saída polêmica do Goiás, rival do Atlético no Estado. Ele agrediu o goleiro Matheus com uma cotovelada e, por isso, deixou a equipe esmeraldina. Walter garantiu ter superado o episódio. "Muita gente falou que eu não pedi desculpas e que faria de novo a agressão no Matheus. Mas eu pedi desculpas", enfatizou. "Eu estava com o coração apertado. Pedi desculpa para ele, frente a frente. E graças a Deus está tudo resolvido. Ele é um menino bom", completou.

Apesar de não viver uma boa fase na carreira, Walter acredita que ainda pode vestir a camisa da seleção brasileira."Sim, penso em ir para a seleção. O Tite gosta muito de mim. Se eu estiver bem, acho que ele me chama", destacou o jogador em tom esperançoso.

Apelidado de gordinho pelos conhecidos problemas com a balança, Walter negou ter chegado aos 106 quilos, como se especulava. "Quero trabalhar para que falem do Walter como jogador. Quando eu jogo mal, falam do peso", ressaltou o atacante. Ele também garantiu que tem o mesmo ímpeto do início da carreira. "Tenho a mesma vontade dos meus 20 anos de jogar futebol. Sei que não sou mais revelação, sou experiente", completou o jogador.

O novo atacante do time rubro-negro só poderá jogar pelo clube no Campeonato Brasileiro - nesta temporada, Walter já vestiu a camisa do Goiás no Estadual e na Copa do Brasil. Campeão da última Série B, o Atlético-GO inicia o Brasileirão deste ano no dia 14 de maio, quando visita o Coritiba, no estádio Couto Pereira, em Curitiba. A estreia no Serra Dourada vai acontecer na semana seguinte contra o Flamengo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.