No desespero, Grêmio pede ajuda à torcida

Lanterna do campeonato brasileiro, o Grêmio vive uma situação que a diretoria do clube qualifica de "emergencial" e não acredita somente na força de seus jogadores para sair da situação em que se meteu. O reforço que o time espera para este domingo, quando enfrenta o Atlético-PR, será o das arquibancadas. O torcedor que comprar um ingresso ganhará outro, para levar um acompanhante e lotar o Olímpico. Mas deve atender ao apelo de só incentivar o time e evitar as vaias nas jogadas erradas.Em compensação, é provável que o técnico Nestor Simionatto aceite os pedidos da torcida e substitua o ala-direito Anderson Lima por George, que teve boa atuação na vitória contra o Santos. O zagueiro Roger e o volante Tinga também devem deixar o time, por estarem em más condições físicas. O candidatos às vagas são os ex-juniores Renato e Leanderson, respectivamente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.